China: 5 dicas de viagem na china

Para quem nunca viajou pela Ásia antes, uma viagem pra China pode ser especialmente assustadora de início, não só pela distância, pela língua tão diferenciada, mas principalmente pela cultura em si. Adjetivos como ‘mal educados’, ‘porcos’ e ‘grosseiros’ são só início do que muita gente tem a dizer sobre o povo chinês, o que acaba criando na nossa cabeça a imagem de um povo bem complicado de se conviver. Por isso vim contar aqui 5 dicas de viagem na china pra te aliviar!
Eu ouvi tantas coisas a respeito dos chineses que já cheguei blindada e treinada pra dar um Kung Fu no primeiro que me empurrasse ou me tratasse mal, mas o fato é que eles não são tudo isso! No geral nós fomos super bem tratados!
 

Não deixe de nos seguir no Instagram @guiamundoafora Você também pode procurar pela Tag #GMAnaChina 😉

 

Bird Nest Bejing China

Bird Nest, estádio olímpico em Beijing


 
Claro que você vai ver mais dedos no nariz e um empurra-empurra maior do que está acostumado no Brasil, mas a verdade é que a China é um Brasil de olho puxado.
Tudo o que vi aqui não foi nada além do que você não veria em uma das grandes cidades brasileiras, mas claro que em uma escala muito maior. Por isso achei muuuuito de boa se acostumar com os costumes chineses e sua “falta de educação”. É só fazer aquelas coisas que você super tem vontade, que seria tão mais prático, mas é mal visto no Brasil, mas aqui é completamente normal! :p
Juntei algumas dicas de viagem na china que vão te ajudar abrir a mente e aproveitar bem esse país tão lindo e com um povo tão especial.
 
>> Leia mais: Explorando a Muralha da China
 
ESQUEÇA FILAS

Sempre ouvi que os chineses furam fila, e essa era uma das coisas que estava mais me deixando louca antes de vir na pra cá. É uma super sacanagem ficar igual a uma bocó parada ali esperando pra ser atendida e vir um espertinho e entrar na sua frente. Mas na verdade isso só é irritante se existir uma fila, não é mesmo?

Dificilmente os chineses formam fila pra algo, como estamos acostumados. Se você tem que passar pelo raio x no metrô, por exemplo, (sim, aqui tem raio x no metrô, depois conto mais), as pessoas não ficam enfileiradinhas um-atrás-do-outro-que-nem-um-gafanhoto esperando sua vez. Todo o espaço que tiver disponível até chegar na esteira do raio x será ocupado, virando um bolo-organizado de gente tentando passar por um funil. Não é uma fila. Então a melhor dica de viagem na China que posso te dar é: relaxe! Entre no bolo também e vá com a massa.

 

Fila na China

Fila para entrar na Plataforma do trem


 
Aconteceram sim, algumas vezes que a galera vinha furar filas para teleféricos ou para comprar ticket de trem, e eles furavam na cara dura. Muita gente fica calada e deixa entrar na frente, mas eu cheguei a ver até porrada entre chineses por causa disso. Sabe a melhor coisa que você pode fazer? Ficar na sua e deixar eles se entenderem. Até porque, nem adianta reclamar em inglês que provavelmente o furão não vai te entender…
 

SIGA O FLUXO

Não preciso nem dizer que na China tem MUITA gente, então a aglomeração de pessoas no metrô, em praças ou até para andar na rua é bem normal. Segunda dica de viagem na China: acostume-se com multidões. Essa “lição” não virou nem um tópico, pois acho que já está bem claro que você irá enfrentar isso na China.

 
Mas o que eu quero dizer é que, se você saiu na estação de metrô para visitar a Forbbiden City, e não sabe muito bem qual saída pegar ou pra que lado andar, believe me, os chineses sabem. Segue o fluxo! A probabilidade daquele bolo de pessoas que está subindo uma escadinha na direita estar indo pro mesmo lugar que você é enorme!
 

forbiten-city-china

Muuuuuuuuuita gente em uma pedaço da Cidade Proibida.


 
Acabamos de sair do metrô pra Estação Sul de trem de Beijing, e ficamos meio em dúvida sobre qual lado andar pra chegar nas plataformas. Seguimos aquele povo todo que estava com mala, e pimba!, chegamos sem precisar perguntar pra ninguém, ler nada em mandarin ou fazer nenhuma mímica pro segurança.
 

DESAPEGUE

Apesar do tópico anterior ajudar demais você a chegar em diversos lugares, você deve ter a mente aberta e não se deixar estressar quando as coisas derem errado. Por mais que você se programe muito e tenha tudo anotadinho, alguma coisa sempre vai sair do seu controle, pode ter certeza!
Isso vai acontecer ou porque você não conseguiu se comunicar em um táxi para chegar em uma atração que queria, ou simplesmente porque shit happens, people!

Exemplo teeeeeeenso que aconteceu com a gente:
tínhamos agendado um Show de Kung Fu (você reserva na internet pra conseguir desconto, mas paga na hora) logo pro início da viagem, mas no primeiro dia nós desmarcamos pois eu estava com muuuuito Jet Leg e não consegui acordar.
No segundo dia o táxi não entendia pra onde queríamos ir e o trânsito estava bizarro. No terceiro dia quando saímos na estação de metrô caiu uma chuva torrencial de virar guarda chuva. No quarto e último dia, quando finalmente chegamos na bilheteria do lugar não tinha mais ingresso pro show!!! Então dissemos ”Mas nós reservamos na internet!!!”  e a moça dos ingressos só repetia “Sorry, sold out. Sorry, sold out” (esgotado)
Não era pra ser! Tenha mente aberta, um plano B e desapega, desapega OLX!
 
>>Leia mais: Conheça uma das cidades mais incríveis da China: Zhangjiajie
 

UMA MELECA INCOMODA MUITA GENTE

Outra coisa que ouvi muito: que era normal os chineses escarrarem na rua. Beleza, tem disso sim, mas não é nada demais. Achei que fosse andar em um campo minado de catarro na rua, mas na verdade achei as ruas no geral beeeeem limpas e vi pouquíssimas pessoas fazendo isso.

 

dicas de viagem na China

Criança chinesa fooooooooofa brincando na água!


 
Agora, o dedo no nariz ninguém me alertou. Seja criança, adulto ou mulher, se aquela melequinha no nariz incomodar eles não tem o mínimo pudor! Metem o dedão no nariz e depois ainda enrolam o produto! hahaha Juro que chega a ser até mais cômico que nojento ver uma mulher de salto e terninho cutucando o nariz amarradona. 👆👆👆
 

O IDIOMA NÃO É UMA BARREIRA!

Quando fui pro Japão pela primeira vez o Alan já tinha me dito que a maior parte dos japoneses não falava inglês. Isso me chocou um pouco, pois em um país tão tecnológico e desenvolvido como o Japão eu realmente esperava que fosse uma segunda língua fluente, mas não é.
 

Vindo pra China, aí mesmo que tinha certeza que eles falariam menos ainda e que ia ser beeeem complexo de se comunicar. Agora babem, os chineses se viram muito melhor que os japoneses. A gente acredita que é um pouco por causa de vergonha da parte dos nipônicos, e os chineses não se importam muito com isso, mas a verdade é que a maior parte dos atendentes dos lugares arranham algumas palavras chaves e você consegue chegar em alguma comunicação. A mímica é a melhor forma de comunicação e a melhor dica de viagem na China, nesse caso.

 

Mas calma lá, não ache que você vai poder parar alguém na rua e pedir uma informação normalmente, não é bem assim, mas sentar em um restaurante e falar ‘water’, entrar em uma estação e falar ‘exit’, sim, já é o suficiente pra se virar por aqui. Na verdade, a grande jogada é ter sempre o endereço do seu hotel ou ponto turístico anotado em Chinês, mas esse é assunto pro outro post.

 
Então se você não fala inglês e acha que por isso seria impossível viajar pra cá, desencana, pois te juro que isso não vai mudar nada na sua vida. O maior idioma que utilizei aqui na China e no Japão foi o da mímica. Aponta pra cá, faz um gesto pra lá, dá um pulinho e você consegue se fazer entender 🙂
 
Me contem as dúvidas e curiosidades que vocês tem sobre a China, ou se você sentiu algo de diferente do que eu falei. Às vezes a gente chega com uma visão e um medo super bobo, mas que definitivamente não deve te impedir de vir pra esse país tão lindo!
 
 
 
LEIA MAIS

 

96 Comentários

  1. Gostei da tua discrição…
    Pretendo ir para lá em breve.
    Comprovas que tudo pode ser previsível e organizado…
    Teu texto é agradável.

    abs

    • Ahhhh Fabio, se tu ganhar isso não vou mandar pra Holanda nem a pau! hahaha
      Claro que lembro, como esqueceria de você? Está sumido das minhas redes sociais ein, senhor!
      Te entrego quando for praí de novo 🙂
      Bj

  2. Thais, quero ir para a China!! rsrs
    Espero ganhar um desses hashis ^^.
    Gosto de acompanhar suas viagens e dicas, mesmo sem quase viajar!! kkkk
    Bjs

  3. Pingback: Como acessar internet na China: redes sociais bloqueadas e 3G no celular! | Guia Mundo Afora

  4. A grande dica é ir primeiro para a China depois para o Japão… para mim foi assim então foi mais fácil aceitação de certas atitudes 😉 A China não tem a mesma educação e cultura dos Japonês, mas a China tem muita História e a grande muralha é show! China: ame e odeie, mas va de mente aberta!O que na cultura deles é horrível e nojento pra gente… lembre se que cada País tem sua cultura, e respeitar quando você é o visitante, é essencial 🙂 bjs Patricia (traveling_way)

  5. Ei linda vim desejar a vc ótimas viagens e dar a vc parabéns pela Blog dicas maravilhosas sucesso sempre que Deus te abençoe viu bjss millll.