Mapa do Japão: cidades imperdíveis + roteiro perfeito

O Japão é meu país preferido por diversos motivos. Um deles é porque ele possui uma vasta opção de cidades incríveis para se visitar e experiências diferentes em todas as estações do ano, conforme você vai explorando o mapa do Japão. Se você quer praia, tem. Se você quer esquiar, pode. Se busca cidade grande e tecnologia, ô, como tem! E se você procura cultura, fala sério, a do Japão é milenar!

O país é perfeito para o turismo o ano inteiro, e lá você encontra todo o tipo de experiência que imaginar para suas férias. Por isso, para te ajudar a montar um roteiro perfeito pro seu estilo de viagem, vou te mostrar algumas das cidades do Japão mais interessantes que já visitei!

++ Leia quanto custa viajar para o Japão – é tão caro assim?
++ Descubra como se conectar na internet no Japão com melhor custo benefício

mapa do Japão cidades imperdíveis
Eu amo o Japão!

MAPA DO JAPÃO


O mapa do Japão é muito maior do que você imagina. Olhando de longe parece que o país é pequenininho e com poucas opções, mas você não tem noçãaaaaao da imensidão daquele lugar. O Japão é dividido em 47 províncias distribuídas por 8 regiões. Nesse mapa vamos ver algumas das cidades mais famosas no Japão para fazer turismo, assim você consegue se situar nas localizações.

MEU ROTEIRO NO JAPÃO DE 20 DIAS


Eu já visitei o país 4 vezes, então já tive diversos roteiros no Japão diferentes. Em minha última viagem, fiquei 20 dias no Japão e mixei algumas cidades importantes e básicas de um primeiro roteiro com outras mais diferentes, para imergir mais na cultura do país.

A ordem ideal do seu roteiro no Japão vai depender da cidade que você escolher como porta de entrada no país. Acho que não existe uma cidade melhor ou pior para começar, e sim a que a passagem estiver mais barata 😆 Da última vez cheguei por Nagoya, mas nem cheguei a me hospedar na cidade, por exemplo.

Meu roteiro no Japão de 20 dias foi assim:

  • Takayama – 3 noites
  • Osaka – 4 noites
  • Nara – bate e volta de Osaka
  • Himeji – bate e volta de Osaka
  • Kobe – bate e volta de Osaka
  • Quioto – 2 noites
  • Yokohama – 2 noites
  • Tokyo – 7 noites

Um ótimo valor de passagem aérea para o Japão fica em torno de $3.000,00. Eu já consegui promos por R$2.700,00, uma chegando por Tokyo e outra por Nagoya.

VOCÊ MUDARIA ALGO NO SEU ROTEIRO?


Apesar do roteiro ter sido incrível, eu teria modificado alguns detalhes para aproveitar melhor meu tempo e explorar o mapa do Japão.

  1. Passamos 3 noites em Takayama porque dormimos 2 noites em um Ryokan tradicional. A experiência foi incrível, mas acho que somente 1 noite seria suficiente!
  2. Eu não gostei de Kobe. Com certeza teria passado esse dia para Kyoto, pois só 2 dias ficou corrido. (mesmo eu já tendo ido à cidade antes!)

E aposto que você está se perguntando o porque não fui a Hiroshima! Eu já conhecia a cidade, e por ser um pouco mais distante, dessa vez ficou de fora. Mas sem dúvidas indico visitar na sua primeira ida no Japão!

SEGURO VIAGEM COM 20% DE DESCONTO - BLACK FRIDAY

Aqui no blog nós indicamos a Real Seguros como a melhor comparadora de seguros e com o preço imbatível! Eles tem um atendimento de primeira e vão estar ali pra te ajudar em qualquer situação. Comprando aqui nesse link você ganha 20% de desconto só até 30/11, então CORRE! automaticamente.

PRINCIPAIS CIDADES DO JAPÃO PARA VISITAR


Como vocês podem ver, existem MUITAS cidades no Japão que são incríveis, mas só cabe a você escolher as perfeitas para o seu perfil de primeira viagem. Até porque, a época do ano vai influenciar demais na escolha do seu roteiro.

Então, para te ajudar a explorar o mapa do Japão dentro do seu perfil, vou passar uma visão geral das cidades e dicas de onde me hospedei. Em breve vou me aprofundar em cada destino em outros textos, pra esse não ficar gigante, ok?

As principais cidades do Japão são:

  • Tóquio
  • Yokohama
  • Osaka
  • Quioto
  • Nara
  • Himeji
  • Hiroshima
  • Takayama
  • Monte Fuji
  • Sapporo

TÓQUIO, JAPÃO (TOKYO)


A capital do Japão e maior metrópole do mundo não pode ficar de fora do seu roteiro, seja sua primeira visita ou a milésima. Com contrastes gigantes de tecnologia misturada com templos milenares, é impossível se cansar de lá! Não é à toa que Tokyo é a principal cidade do Japão.

Eu já passei mais de 1 mês só em Tóquio e mesmo assim não consegui conhecer metade dos pontos turísticos. Pode separar bastante dias sem medo de ser feliz. É lá que você encontra o famoso cruzamento de Shibuya (aquele lotado do filme Velozes e Furiosos 3, sabe?), o bairro Akihabara que é o mundo dos eletrônicos, o prédio mais alto do Japão chamado Tokyo Sky Tree e o parque Tokyo Disney Sea, exclusivo do Japão.

mapa do Japão cidades Tokyo
Akihabara é o bairro dos eletrônicos em Tokyo

HOSPEDAGEM | Existem muitos bairros interessantes para se hospedar em Tóquio, mas eu gosto bastante da região de Minato e Asakusa. Elas são bem centrais e perto de boas linhas de trem e metrô. Na última viagem fiquei no Park Hotel Tokyo em Minato, mas se quiser uma opção baratinha, indico é o And Hostel em Asakusa!

++ Leia em breve sobre o que fazer em Tokyo e os principais pontos turísticos

YOKOHAMA, JAPÃO


Yokohama é a segunda maior cidade do Japão e fica do ladinho de Tokyo, a menos de 40 kms. Com 1h de trem local você chega em Yokohama com facilidade, por isso muita gente visita em um bate e volta.

Se você não tiver tanto tempo disponível, o bate e volta é super válido, até porque eu AMO Yokohama e acho que ela não pode ficar de fora do seu roteiro. Mas se tiver um pouquinho mais de tempo, acho incrível passar pelo menos 1 noite por lá.

cidades no Japão Yokohama
Yokohama | Foto de Shutterstock

Yokohama é uma cidade portuária e tem um clima de cidade pequena dentro de uma metrópole gigante. Você encontra várias opções de restaurantes charmosos e saudáveis, além do incrível museu do Cup Noodles, o museu do rámen e a maior Chinatown do Japão. No verão rolam vários festivais no parque Akarenga com música ao vivo e a galera toda bebendo cerveja. É uma delícia!!

HOSPEDAGEM | As melhores regiões para se hospedar são perto da estação de trem e ao redor do parque Cosmo World. Eu fiquei no Sheraton Bay Yokohama que fica exatamente em frente à estação principal, e amei. Não só o hotel é delicioso, como dali conseguimos fazer tudo a pé.

++ Leia em breve sobre o que fazer em Yokohama

OSAKA, JAPÃO


Osaka é considerada a cidade mais “bagunçada” do Japão (e mesmo assim é surrealmente organizada.. haha). O japonês é um povo bem privado e fixado às regras, mas em Osaka parece que todo mundo leva a vida de maneira mais leve. Eles são considerados os japoneses mais simpáticos de todo o país, e por isso sou apaixonada por Osaka! A cidade tem sempre muito agito e é minha preferida!

cidades no Japão Osaka
O maravilhoso Castelo de Osaka!

Em Osaka você encontra milhões de barraquinhas de comida e bares, todos concentrados em uma rua badalada chamada Dotonbori. Você pode curtir a Universal Japão e o Castelo de Osaka, um dos mais antigos e genuinos do país. Osaka é uma das principais cidades do Japão para ser usada como base de bate e voltas para cidades próximas como Nara, Kobe, Himeji e até Quioto.

HOSPEDAGEM | Vai na minha e procure um hotel em Shinsaibashi, que é o bairro da Dotonbori. Dali você consegue ir pra mil restaurantes e bares a pé, é super estratégico. Minha paixão é o perfeito 3 estrelas The Flag, que fica do lado de tudo e não tem barulho nenhum!

++ Não deixe de ler o manual completo do que fazer em Osaka no Japão

QUIOTO, JAPÃO (KYOTO)


Quioto já foi capital do Japão, e hoje é mundialmente conhecida por ser a cidade japonesa com mais de 2.000 templos. Lá ainda é possível avistar gueixas de verdade caminhando pelas ruas e o melhor lugar para você ter a experiência de usar um quimono.

É em Quioto que você encontra a famosa floresta de bamboos, o templo Fushimi Inari (esse que tem um corredor de toris vermelhos) e o templo dourado chamado Kinkaku-ji. Além disso é uma das melhores cidades no Japão para comer Okonomiaki, uma iguaria deliciosa japonesa, que provavelmente você nunca provou no Brasil.

cidades no Japão Quioto
O famoso Fushimi Inari

HOSPEDAGEM | Em minha última visita me hospedei em um flat/casa japonesa, chamada Four Sisters Residence, que fica próximo do Palácio Imperial. A localização é central e você tem a oportunidade de experimentar uma casa moderna japonesa. Amei a experiência!

DICA: Quioto fica a apenas 20 min de trem bala de Osaka. Por ser tão pertinho, muita gente fica em dúvida em qual é melhor escolher como base para explorar outras cidades próximas. Eu prefiro Osaka por ter muitas opções de restaurantes e agito à noite. A hora que você chegar vai ter algo rolando por lá… Já Quioto é mais calmo e pacato, e dependendo do horário você pode sentir dificuldades para jantar.

++ Leia em breve sobre o que fazer em Kyoto

NARA, JAPÃO


Se você só tiver tempo de fazer um bate e volta no Japão, falo sem nem pensar: vá para Nara! É lá que você encontra a maior estátua de bronze do mundo, que por sinal fica dentro do meu templo preferido em todo Japão, o Todai-ji.

Nara é aquela cidade do Japão recheada de bambis, sabe? Eles vivem livres, e por onde você anda os veadinhos estão espalhados, sempre muito dóceis e vindo na sua mão comer biscoitinhos. São muuuuuito fofos!

cidades no Japão Nara
Não tem como não se apaixonar por Nara!

HOSPEDAGEM | A cidade fica a apenas 1h de Osaka. O ideal é fazer um bate e volta e nem dormir. Mas se você quiser curtir um pouco mais a vibe, indico o Nara Royal hotel que fica bem no centro e tem valores acessíveis.

++ Leia em breve sobre o que fazer em Nara

HIMEJI, JAPÃO


Himeji era uma das cidades do mapa do Japão que mais queria conhecer. Mas por diversos motivos só consegui ir na minha 4ª viagem ao país. A cidade não tem tanta coisa para fazer além de visitar o Castelo de Himeji, mas te garanto que já é motivo suficiente para você dedicar 1 dia da sua viagem.

O Castelo de Himeji é Patrimônio da Unesco, e um dos mais preservados até os dias de hoje. Ele nunca foi bombardeado por nenhuma guerra e nem destruído por desastres naturais. Visitar Himeji é uma oportunidade de ouro de realmenter ver como os japoneses viviam há anos e anos atrás.

mapa do Japão Himeji
O Castelo de Himeji é imperdível

HOSPEDAGEM | Himeji fica a apenas 30 min de Osaka. É mais uma das cidades do Japão que acho que vale a pena fazer um bate e volta. Para quem quer passar uma noite, indico o Himeji Castle Grandvrio Hotel que é um clássico BBB!

++ Leia em breve sobre o que fazer em Himeji

HIROSHIMA, JAPÃO


Uma das cidades mais conhecidas do Japão por sua triste história, Hiroshima vai te surpreender de uma maneira intensa! Eu esperava que a cidade tivesse um clima triste e pesado, mas se não fosse o museu da Bomba Atômica ali no centro, você nunca diria que aquele lugar sofreu um genocídio dessa proporção.

cidades no Japão hiroshima
O único prédio preservado após a bomba atômica

Vá preparado porque o museu é pesado, mas único. Sem dúvidas foi o museu de guerra que mais me tocou e me fez refletir sobre como levamos a vida em sociedade. IMPERDÍVEL!

Hiroshima vale dormir uma noite para você conhecer também a ilha de Miyajima, que fica a 10 minutinhos de balsa de Hiroshima. Lá você encontra um dos pontos turísticos mais fotografados do Japão, que é o Torri no meio das águas.

HOSPEDAGEM | Fui a Hiroshima há muitos anos atrás e me hospdei no Hana Hostel que fica do ladinho da estação de trem. O lugar é limpo e super amigável!

++ Leia sobre o que fazer em Hiroshima e Miyajima

TAKAYAMA, JAPÃO


Eu não sei você, mas antes deu ir para o Japão a primeira vez, eu sempre visualizava algumas cidades como nos filmes antigos, sabe? Imaginava uma cidade pequenininha, com casinhas baixas de madeira, portas de correr e um monte de japoneses fofos andando de tamanquinhas de madeira e quimono. Cara, e Takayama é assim! 😍

Takayama é uma das cidades mais antigas do Japão que manteve a estrutura antiga. Você não vê prédios altos e nada muito tecnológico. O engraçado é que eu esperava que Quioto fosse assim, mas a cidade é uma mega metrópole. Se você também quer curtir uma cidade do Japão mais antiga, Takayama tem que estar no seu roteiro.

cidades no Japão Takayama
A cidade é toda assim!

Takayama também é super famosa para comer o Hyda Beef, uma carne nobre estilo wagyu e super macia!

HOSPEDAGEM | Eu dormi só uma noite em Takayama e fiquei em um quarto privado no Relax Hostel, do lado da estação de trem. O lugar é uma graça, bem tradicional e super bem localizado.

MONTE FUJI, JAPÃO


Apoooooooosto que você não quer ir embora do Japão sem ver o Monte Fuji, não é mesmo? E não deveria! Exitem várias opções para curtir a maior montanha do Japão, seja para fazer a famosa escalada ou simplesmente para contemplar o Fuji-san.

Monte Fuji Japão
Monte Fuji | shutterstock – Krishna.Wu

Eu já dormi duas noites em Kawaguchiko, que é uma das melhores bases para subir o Monte Fuji (não deixe de ler meu artigo sobre essa experiência). Lá você também pode curtir um dia no parque Fuji Q Highland, que é mega radical e tem uma vista surreal do Fuji de cima das montanhas russas.

Outra cidade famosa para ver o Fuji se chama Hakone. Ela fica a 2 hs de trem de Tokyo e tem diversos hotéis tradicionais estilo ryokan. Vale muito a visita!

HOSPEDAGEM | Em Kawaguchiko me hospedei no K’s House Hostel, que fica a uns 20 min caminhando da estação de ônibus, mas o preço valia muito a pena!

SAPPORO, JAPÃO


E por último, não poderia deixar de fora Sapporo, uma cidade de Hokkaido, no norte do mapa do Japão. Apesar de ter trilhas que dizem ser super bacanas durante o verão, acho que o ideal é visitar Sapporo no inverno. A cidade é perfeita para esquiar! Mas prepare-se, pois foi uma das cidades mais frias que já fui na vida!

Em Sapporo você encontra a fábrica da famosa cerveja de mesmo nome (minha preferida!), a estação de Ski Ban-K e o incrível festival de neve Sapporo Snow Festival! Durante o festival você vai encontrar esculturas de gelo gigantes espalhadas pelas ruas, de vários personagens famosos como Goku e Pikachu. O festival acontece em Fevereiro e é MARAVILHOSO!

cidades no Japão Sapporo
Olha como nevava durante o festival!

QUANDO IR PARA O JAPÃO


O mapa do Japão pode ser explorado o ano inteirinho, e eu diria que a cada estação a experiência é diferente! As estações são super bem definidas, então prepare-se para passar muito calor no verão e muito frio no inverno. REAL! Muita gente não acredita em como o verão japonês é quente e úmido. É uma suadeira danada!

É importante lembrar que, se você decidir viajar em alguma época muito famosa ou de feriados, é preciso se programar com MUITA antecedência pois o país fica literalmente LOTADO. E quando eu digo lotado, quer dizer que as hospedagens realmente acabam. Então na hora de escolher quando ir para o Japão, fuja da Golden Week, por exemplo, que é o maior feriado japonês que rola geralmente no fim de Abril e começo de Maio.

  • Se você quer ver as famosas cerejeiras ou sakuras: viaje entre o fim de Março e início de Abril.
  • Para escalar o Monte Fuji e curtir os festivais de verão: viaje entre Julho e início de Setembro.
  • Se quer esquiar e ver neve no Japão: viaje entre Dezembro e Fevereiro.
  • Para ver o país cheio de folhas marrons de outono: viaje entre Setembro e Novembro.

PORQUE VOCÊ DEVE CONTRATAR UM SEGURO VIAGEM NA ÁSIA?


Eu digo e repito sempre por aqui: apesar do seguro viagem não ser obrigatório para entrar em países da Ásia, é extremamente inteligente viajar com o seu.

O atendimento médico no Japão, China e outros países costumam ser caros e o povo geralmente não fala inglês, lembra? É importantíssimo receber um pré atendimento por telefone em português. Um seguro viagem para lá custa uma média de R$150,00 e economizar essa grana pode acabar estragando as suas férias.

Para te ajudar, aqui no blog temos sempre cupons de desconto de 10% só por esse link. Clique no botão abaixo, garanta o seu e leve sua segurança a sério! Vai por mim, eu nunca viajo sem e sempre compro nesse site.

COMO SE DESLOCAR ENTRE CIDADES NO JAPÃO


Bem, independente do roteiro que você escolher, a melhor forma de explorar o mapa do Japão é comprando um JR Pass. Ele é um passe de trem que te da passagens ilimitadas em trens locais e nos famosos Shinkansens (os trem balas japoneses) por todo o país.

O transporte dentro do Japão é bem caro, e mesmo tendo um preço salgado, o JR Pass vale muito a pena! Para adquirir você precisa comprar o passe ainda no Brasil e com uma agência local. Não é possível comprar o passe enquanto você está no Japão, ok? Não coma bola com isso!

Minha dica de agência é a HIS Turismo, que me auxiliou na minha última viagem ao Japão. Eles parcelam o valor em Real e sem IOF e tem atendimento em português com qualidade japonesa! Eles não só vendem o passe, mas também roteador de internet 4G, ingressos da Disney, Universal, guia turístico, passagens de ônibus e absolutamente tudo o que você precisa na sua viagem! E claro que leitores do blog tem desconto com eles! Só pedir sua cotação no formulário abaixo. Recomendo demais 🙂

Faça aqui a cotação com a agência H.I.S e garanta nosso desconto especial! Basta preencher o formulário abaixo:

DICAS DE ROTEIROS NO JAPÃO


Se mesmo depois de todo esse texto você ainda está com dúvida de qual roteiro no Japão fazer, vou te dar aqui algumas sugestões que acho bacanas! Seguindo essas dicas não tem como errar, vai por mim 😉

ROTEIRO DE PRIMEIRA VIAGEM NO JAPÃO


Se você está indo pela primeira vez para o Japão e tem de 10 a 15 dias, minha sugestão é não inventar tanto. Fazer cidades mais clássicas e explorá-las por mais tempo pode ser uma boa pedida. Eu faria:

  • Tokyo – 5 noites
  • Monte Fuji – 2 noites
  • Osaka – 2 noites
  • Quioto – 3 noites
  • Hiroshima – 2 noites

ROTEIRO NO JAPÃO DE 7 DIAS


Se o tempo está corrido mas você quer dar aquela pincelada geral no mapa do Japão, você tem duas opções. Ou fica os 7 dias em Tóquio ou corre pros clássicos, como eu já fiz:

  • Tokyo – 3 noites (é sofrido, mas fazer o que?)
  • Quioto – 2 noites
  • Osaka – 1 noite
  • Hiroshima – 1 noite

DICAS FINAIS PARA EXPLORAR O MAPA DO JAPÃO


Seja qual for a época e cidades que você escolher para explorar o mapa do Japão, tenho certeza que seu roteiro será incrível! Mas não deixe de levar em consideração algumas últimas dicas que vão te ajudar no planejamento:

  1. Os japoneses não falam quase inglês, então ter internet no Japão é essencial para conseguir se deslocar sem perrengues.
  2. Brasileiros fazendo turismo não podem dirgir no Japão, não caia nessa roubada! Uma maneira boa de economizar em transporte é viajar de ônibus, mas só vale a pena para quem tem bastante tempo livre.
  3. Leve bastante dinheiro vivo! Por incrível que pareça, os cartões de crédito não são muito aceitos no país e é importantíssimo ter bastante moeda do Japão em mãos.

Está pensando em conhecer alguma cidade no Japão
que não está nessa lista? Me conta que te ajudo 🙂

 LEIA MAIS

17 Comentários

  1. Oi Thaís
    Irei ao Japão em dezembro e quero muito em em Sapporo. Você acha que 3 dias lá são suficientes? E o deslocamento dá para fazer por shinkansen?
    Agradeço

    • Oi Ricardo, Sapporo é demais, e da pra fazer em 3 dias sim. Mas fica muito longe pra chegar de shinkansen, a não ser que você já esteja em Hokkaido. Se for sair de Tokyo, por exemplo, tem que ir de avião!

  2. Oi THAÍS TOWERSEY , parabens pelo Blog é muito legal esses compartilhamento.
    Estou pensando ir no Japão em Dezembro de 2020 , passar 20 dias .. Voce tem alguma dica de cidades para o meu roteiro ? Estarei indo eu minha esposa a minha mae ( 70 anos) e mais duas filhas ( 9 e 15 anos) …

    • Oi Fabio, obrigada!
      Vai depender muito do estilo de cidades que quiserem conhecer. Acho que com o descritivo desse post você consegue selecionar bem os destinos do seu perfil 🙂
      O Japão é legal para todas as idades. Beijão

  3. oi Thaís, estou começando a ler sobre o Japão para programar a minha viagem que vai ser só em 2020 novembro, então tenho bastante tempo para ver com calma, mas uma dúvida que li ou escutei em algum lugar é que no Japão quando você chega por uma cidade tem que sair por ela, isso é verdade?

  4. Amei o blog! Estou planejando ir pro Japão sozinha (recém completado 18 anos) em janeiro, você recomenda? Fico um pouco em dúvida pelo clima e pelo fato de estar sozinha.

  5. Oi Thais, boa tarde

    Eu SIMPLESMENTE AMEI o seu canal, as suas dicas são fantásticas. Estamos montando um roteiro para o Japão, meu sonho sempre foi conhecer esse país, mas não tinha coragem de encarar o tempo de viagem :-), mas agora criei coragem e encorajei o meu marido. Estou meio perdida quanto ao embarque e desembarque, se devemos optar pela mesma cidade, porque pelo que observei em todas as suas sugestões, as cidades não são tão perto, imagine eu chegar em Tokyo e depois estando longe ter que retornar para voar de volta para casa. O que me sugere? Teremos de 15 à 18 dias de férias no Japão. Quais seriam as cidades IMPERDÍVEIS na sua opinião para a 1º visita no Japão, considerando o mês de OUT/19. Se puder me ajudar, agradeço imensamente. Beijos

    • Oi Marcia, que bom que curtiu, fico muito feliz! 🙂
      Olha, claro que é sempre legal entrar por um país e sair por outro, porque assim você economiza tempo de viagem. Mas se o valor ta passagem sair MUITO mais caro, eu pegaria o mais barato mesmo! hehehe
      Eu iria para Tokyo, Kyoto, Hiroshima, Osaka, Nara, Takayama e Monte Fuji!
      Beijão!

  6. Oi !! Acha que vale a pena ir pro Japão no final do ano (após o Natal até primeira quinzena de janeiro)? Fico em dúvida por conta do frio/neve e receio de não conseguir aproveitar os templos e tudo mais… Estou iniciando o planejamento e ainda não tenho as cidades definidas, mas a ideia é fazer Tóquio, Kyoto, Nara, Osaka, Yokohama e Monte Fuji !! Adorei o post e lendo toooodos os outros do Japão pra ir montando o roteiro…. Muito obrigada e beijos!!

    • Oi Camila,
      eu já fui pro Japão no inverno e acho super de boa. Lá no norte neva bastante, mas é super possível também com as roupas certas.
      Em Tokyo deve ficar uns 5º, não é um frio tão absurdo não! :))
      Se tiver mais dúvidas vai mandando aqui!
      Beijão, xuxu