Montanha Huayna Picchu e Machu Picchu – vale a pena? Quais as diferenças?

Essa era uma das minhas maiores dúvidas quando planejei minha visita a Machu Picchu (na verdade eu acho que comecei todos os meus textos de Machu Picchu com essa frase, eu tinha muitas dúvidas! hahaha), mas realmente fiquei bem perdida com tantos nomes e sem entender muito bem a estrutura do lugar. Será se vale a pena subir a montanha de Huayna Picchu ou Machu Picchu? O que são elas exatamente? Você vai perder muito tempo do seu dia nas ruínas de Machu Picchu se subir? Precisa subir em alguma pra fazer as fotos clássicas? Essas são algumas dúvidas que vou tirar aqui nesse texto 😉

++ Leia também quanto custa viajar para Machu Picchu?
++ Descubra o Câmbio no Peru: levo dólar ou Real?

subir a huayna picchu

O QUE SÃO AS MONTANHAS HUAYNA PICCHU E MACHU PICCHU?


Bem, a “estrutura” toda de Machu Picchu se resume basicamente em 3 partes.

Temos Machu Picchu propriamente dito, que é onde você visita as ruínas da cidade Inca, das fotos clássicas que sempre vemos, e que você precisa comprar adiantado o ingresso para entrar.

Aí uma vez dentro de Machu Picchu, existem duas montanhas que você pode subir em trilha, se quiser:

  1. Montanha Huayna Picchu, que todos dizem que tem um visual incrível da cidadela;
  2. A Montanhã Machu Picchu, que no site oficial eles chamam só de Montaña, então usaremos esse termo para não confundir você. (A montanha ter o mesmo nome das ruínas não ajuda em nada o marinheiro de primeira viagem, né? 🙄)

Se você decidir subir qualquer uma das duas, vai precisar de um ingresso extra, pois existe número limitado de pessoas que podem subir por dia. Por isso é tão importante saber com antecedência se você quer ou não fazer essa trilha, entende? Vou te mostrar as especificações de cada uma, aí você pode fazer uma escolha consciente!

HUAYNA PICCHU OU WAYNA PICCHU


Está vendo na primeira foto esse morrinho lindo que completa o cenário das nossas fotos? Essa é Huayna Picchu! A montanha mais concorrida para subir, por ser mais baixa, com trilha mais fácil, mais curta e com menos vagas.

Eu fui a Machu Picchu 2 vezes em Agosto, que é alta temporada, então não consegui reservar a Huayna Picchu pra subir, e olha que comecei a organizar minha viagem em Maio!! Se você for viajar na alta e pretende fazer a trilha de Huayne Picchu, tem que ver os ingressos com antecedência mesmo. E não deixe de ler nosso texto explicando quando ir a Machu Picchu, que eu falo bastante sobre alta e baixa temporada 🙂

Huayna Picchu
No caminho de Huayna Picchu – Foto do meu amigo Fábio do Viagens Cine

Parece doidera os ingressos acabarem tão rápido, mas somente 400 pessoas podem subir na montanha Huayna Picchu por dia. É pouco pra quantidade de turistas que vai a Machu Picchu todos os dias!

Como eu não subi a montanha, não posso falar se vale a pena ou não, então indico o relato do meu amigo Fábio do Viagens cine. Ele demorou 2:30h pra subir e descer da trilha, o que me parece bem tranquilo, com tempo para fotos e descanso.

Pelas fotos dele, achei que Huayna Picchu é muito mais interessante que a da Montaña que subi e com visual mais legal.

Veja aqui alguns dados técnicos importantes para você considerar sua subida:

HUAYANA PICCHU
Altitude de Huayna Picchu: 2.693 m
Distância de caminhada: 2 km
Horários: janelas de 1h na parte da manhã
Tempo de caminhada: média de 2:30 h
Dificuldade: moderada
Valor do ingresso + Machu Picchu: 200 Soles

MONTAÑA MACHU PICCHU


A Montaña é outra que fica logo do lado, e do topo da montanha você consegue ver o cenário clássico de Huayna Picchu + ruínas de Machu Picchu. A ideia de ver esse cenário de cima é maravilhoso, mas te exige mais esforço para chegar ao topo: são mais de 3.000 metros acima do nível do mar, com bastante escadas, subidas e descidas.

alto da Montaña de Machu Picchu
Vista do alto da Montaña de Machu Picchu

Diferente da Huayna Picchu, essa montanha é muito mais fácil de agendar, já que 800 pessoas podem subir por dia. E não só por isso, mas também me parece que a Montaña é bem mais “rústica” que a outra…. a vegetação é mais alta ao redor.

A trilha é super demarcada, mas você vai encarar muuuuitas escadas altas, feitas de pedra mesmo, algumas com pouco espaço pra pisar, o que pode deixar louco quem tem medo de altura. A vista lá de cima é ok, mas, sinceramente? Eu não curti tanto assim.. achei o esforço muito grande para pouca recompensa.

Montaña Machu Picchu
Assim é a subida da trilha, com trechos mais estreitos e abertos para “barrancos”

Em relação ao esforço: vi pessoas de todas idades fazendo a trilha, devagarzinho todo mundo chega. Se você não for um completo sedentário vai chegar lá em cima, mas não vá achando que vai ser um passeio no parquinho, porque não é.

Montanhã Machu Picchu
As montanhas só podem ser trilhadas de manhã
MONTAÑA MACHU PICCHU
Altitude: 3.082 m
Distância de caminhada: 2 km
Horários: Janelas de 1h na parte da manhã
Tempo de caminhada: média de 3:30 h
Dificuldade: alta
Valor do ingresso + Machu Picchu: 200 Soles

SE EU NÃO SUBIR SUBIR HUAYNA PICCHU, VOU PERDER ALGO?


Olha, gente, essa resposta sempre será relativa e muito pessoal. A gente acaba se empolgando porque todo mundo faz e acha que vai perder parte da graça da viagem se não subir, mas a magia de Machu Picchu está lá em baixo nas ruínas.

Meu conselho sincero é: se você não é super fissurado por trilhas, não suba montanha nenhuma.

Você vai pagar mais caro pelo ingresso com as montanhas (48 Soles a mais), e eu acho que realmente só vale a pena para quem curte muito trilhar. Ou para marinheiros de 2ª viagem que já tenham visitado Machu Picchu antes!

ONDE EU PRECISO IR PARA FAZER AS FOTOS CLÁSSICAS?


Se você só quer ver Machu Picchu e fazer as fotos clássicas, você não precisa subir montanha nenhuma. O ingresso tradicional já suficiente pra você. Desencanse e aproveite seu tempo lá em baixo com um guia, que pode te contar a história dos Incas. Eu acho que é uma forma mais útil de gastar seu dinheiro e tempo.

Assim que você chegar, suba as escadas até o máximo que conseguir, para chegar nessa vista aqui:

Machu Picchu 2019
Foto que o guia tirou do nosso grupo!

Se você estiver com um guia privado, ele vai te mostrando os melhores pontos para fotos. Mas te adianto que todo ângulo é lindo!

TEM MAIS TRILHAS INCA DENTRO DE MACHU PICCHU?


Se decidir ficar só por Machu Picchu, não deixe de checar duas outras trilhas que você pode fazer, inclusas no ingresso! O Erick e a Katia do My Destination Anywhere contaram bem como é a fazer a trilha da Porta do Sol e Trilha da Ponte Inca. Confiram!

POR QUE VOCÊ DEVE CONTRATAR UM SEGURO VIAGEM PARA A AMÉRICA DO SUL?


Eu digo e repito sempre por aqui: apesar do seguro viagem não ser obrigatório para entrar nos países da América do Sul, é extremamente inteligente viajar com o seu.

A gente sempre acha que nada vai acontecer, mas infelizmente não temos controle sobre isso. Eu, por exemplo, já passei mal duas vezes em Santiago por causa da água mineral diferente, já tive derrame ocular (algo que acontece do nada) e infecções intestinais. Se eu não tivesse seguro, estaria lascada! E olha que são doenças simples…

Um seguro viagem para a América do Sul custa uma média de R$50,00 por viagem, é muito barato. Viajar sem é uma economia burra que pode acabar estragando as suas férias. 

Para te ajudar, aqui no blog temos sempre cupons de desconto que variam de 10% a 20% pagando no boleto. Clique no botão abaixo, garanta o seu e leve sua segurança a sério! Vai por mim, eu nunca viajo sem e sempre compro nesse site.

EU QUERO SUBIR HUAYNA PICCHU! DICAS?


Ok, se a subida for a sua pegada, fique de olho em algumas coisinhas. Como você pode perceber, se você decidir subir a montanha de Huayna Picchu ou a Montaña, você necessariamente terá que visitar Machu Picchu no turno da manhã.

Para isso é preciso dormir em Águas Calientes no dia anterior, para acordar super cedo e pegar o busão até la em cima no horário marcado no seu ingresso.

Digamos que você comprou seu ingresso para subida a Wayna Picchu de 7:00 às 8:00, é importante lembrar que essa é a janela de horário para COMEÇAR subida. Você pode fazer o trajeto todo no seu tempo,m sem correria.

Alguém subiu Huayna Picchu e curtiu? E a outra? Ajuda aí a galera 🙂

LEIA MAIS

*A autora viajou a Machu Picchu à convite do PROMPERU para conhecer o país, mas as opiniões aqui expostas são completamente pessoais e verdadeiras, para ajudar vocês!

9 Comentários

  1. Melhor blog explicando a diferença das montanhas! Tirou todas as minhas dúvidas! Parabéns! Amei!

  2. Que pena que está difícil assim subir o Huayna Picchu. A subida em si foi menos cansativa do que eu estava esperando, mas não é aconselhável para quem ter vertigens ou coisas do gênero, pois em alguns trechos é preciso subir e descer degraus com toda aquela altura. Mas é uma trilha inesquecível. Beijos Thaís e obrigado pela indicação.

  3. Oie! Nossa, até que enfim alguém que concorda comigo!!! Só leio por aí que fazer as trilhas das 2 montanhas é o must, mas eu não fiz e achei ótimo pq o tanto de escada lá nas ruínas mesmo já ferrou o meu joelho por meses e meses depois da viagem hahahaha. Na verdade, li no Andarilhos do Mundo que era bem difícil e por isso não fiz, mas tirando eles, todo mundo recomenda fazer… Ainda nem postei sobre Machu Picchu, mas sempre que perguntam eu falo que só vale a pena pra quem curte muuuito fazer trilha. PS: fiz a da Ponte do Inca e é tranquilíssima!

    • Oi Fê, realmente eu não curti muito não.. acho que é muito pessoal esse negócio de “valer a pena”, né? Gosto de ser bem cuidadosa nisso, porque depois a pessoa vai me xingar enquanto sobre aquelas escadas.. haha Se um dia eu voltar lá vou fazer a Huayna pra ver se vale! rs

  4. Oie! Nossa, até que enfim alguém que concorda comigo!!! Só leio por aí que fazer as trilhas das 2 montanhas é o must, mas eu não fiz e achei ótimo pq o tanto de escada lá nas ruínas mesmo já ferrou o meu joelho por meses e meses depois da viagem hahahaha. Na verdade, li no Andarilhos do Mundo que era bem difícil e por isso não fiz, mas tirando eles, todo mundo recomenda fazer… Ainda nem postei sobre Machu Picchu, mas sempre que perguntam eu falo que só vale a pena pra quem curte muuuito fazer trilha. PS: fiz a da Ponte do Inca e é tranquilíssima!

    • Oi Fê, realmente eu não curti muito não.. acho que é muito pessoal esse negócio de “valer a pena”, né? Gosto de ser bem cuidadosa nisso, porque depois a pessoa vai me xingar enquanto sobre aquelas escadas.. haha Se um dia eu voltar lá vou fazer a Huayna pra ver se vale! rs