Passo a passo para tirar o visto japonês (com preços!)

Se está pretendendo ir ao Japão, saiba que para a entrar no país, brasileiros precisam tirar o visto japonês. Mas o processo é muito fácil, fique tranquila! Fui para o Japão pela 4ª vez e já fiz o processo para os dois tipos de visto de turista que existem. Ah, se você está procurando orientação sobre visto de estudante, descendente ou morador, eu não entendo nada, ok? Aqui as dicas são para o visto japonês de TURISMO somente.

Vamos ver nesse texto todos os tipos de visto de turismo para o Japão, os valores, a documentação necessária, o tempo de espera e alguma dicas para facilitar você fazer sozinho!

visto japonês
Foto de Shutterstock

COMO TIRAR O VISTO JAPONÊS?


O processo para tirar o visto japonês é bem simples e sem muitas burocracias como o visto americano, por exemplo. Você não precisa fazer uma entrevista e nem nada do tipo.

Na verdade é só juntar todos os documentos certinhos e levar direto no consulado do Japão, sem hora marcada, é só aparecer. Só depois dele pronto você paga a taxa em dinheiro na retirada.

Se sua documentação não estiver correta, eles não vão nem receber sua solicitação! Assim, você não tem riscos de ser negado e perder dinheiro à toa. Maravilhoso, né?

Mas para começar o processo, você já deve ter tooooda a sua viagem programada, inclusive a passagem aérea comprada e os hotéis reservados.

Então vamos ver o que você precisa:

DOCUMENTOS PARA VISTO JAPONÊS


1) Passagem aérea comprada. É só imprimir a confirmação que você recebeu por email.

2) Formulário de solicitação preenchido. É só imprimir e completar tudo a caneta mesmo, de preferência com letra de forma. Baixe ele aqui.

3) Cronograma de Viagem preenchido. Mesmo esquema do de cima. Baixe ele aqui.

4) Imposto de Renda completo. É pra imprimir TODAS aquelas folhas. (Não precisa levar Contra cheques, mesmo estando escrito no site do Consulado)

5) Uma cópia do RG, simples, sem autenticação.

6) Uma foto 3×4 recente.

7) Passaporte válido com pelo menos 6 meses antes do vencimento. E tem que ter pelo menos uma página completa vazia, porque o visto toma uma página toda, olha:

visto japonês de uma entrada
Visto de uma entrada novo. O antigo era brilhoso, bem mais bonito!

FORMULÁRIO  DO VISTO JAPONÊS


O formulário do visto japonês pode ser preenchido à mão, à caneta, sem muitas formalidades. Eu fiz sempre com letra de forma, para não correr o risco de alguém não entender meu rabisco. Aqui não tem muito mistério, mas deixa eu esclarecer alguns itens que achei confusos quando preenchi o meu:

  • Ele pede “Nomes e endereços dos hotéis ou das pessoas com as quais o(a) solicitante pretende ficar” = Se você for ficar em vários hotéis, preencher só o primeiro.
  • Em endereço residencial que vem abaixo, colocar o seu aqui do Brasil. Parece besteira, mas na hora fiquei confusa se eles ainda estavam falando da minha estadia no Japão.
  • Se você não conhecer ninguém no Japão, é só deixar a parte ‘Garantidor e Convidador do Japão’ em branco

>>Leia sobre o Roteiro de dois dias em Hiroshima

CRONOGRAMA DO VISTO JAPONÊS


Na parte do cronograma de viagem, você já deve saber todas as cidades que vai visitar e quais hotéis vai ficar, antes de solicitar o visto do Japão.

Na coluna da esquerda você coloca a data de entrada naquela cidade. Em ‘Locais a serem visitados’ eu só preenchi o nome da cidade, não precisa colocar os pontos turísticos, nem nada disso. E na coluna da direita, você escreve o endereço e telefone do hotel.

Cronograma de viagem do visto japonês

Eu tenho quase certeza que eles não fazem nenhuma checagem para saber se você realmente tem reserva em um hotel e tals, até porque você NÃO PRECISA levar comprovante nenhum de reserva, mas acho que é melhor solicitar só depois que já estiver com tudo bonitinho. Não deixe de fazer suas reservas por aqui pelo Booking.com e ajude o blog, que ganha uma comissão 🙂

E SE EU NÃO TIVER COMPROVANTE DE RENDA?


Se você não trabalha ou não tem um “emprego formal”, sem problemas, gente. Deixe em branco a parte do emprego. Você só vai precisar provar que é dependente de alguém.

Já tirei dois vistos do Japão levando o Imposto de Renda do meu ex marido, que constava que eu era dependente. Adicionei uma cópia da certidão de casamento para provar nosso vínculo e pronto!

Caso você seja empresária ou tenha MEI, como eu hoje em dia, leve uma cópia do CNPJ também!

DURAÇÃO E TIPOS DO VISTO JAPONÊS


O visto japonês vai ter a duração que você provar que vai ficar no país, através da passagem comprada. Então toda vez que você viajar para lá, vai ter que fazer um visto novo.

Na minha primeira viagem, recebi o visto japonês com 30 dias de validade, pois ia ficar 25 no país. Você pode ficar no Japão com o visto de turista no máximo por 90 dias consecutivos.

Outro detalhe importante é que, uma vez que você tira o visto do Japão, tem somente 3 meses para entrar no país. Ou seja, não adianta fazer o processo com muita antecedência. Programe tudo com calma, e quando faltar 2 meses para sua ida, você pode começar o processo.

Dependendo do cronograma da sua viagem, você vai poder tirar o visto japonês de uma ou múltiplas entradas, como veremos a seguir:

VISTO JAPONÊS DE UMA ENTRADA


Normalmente você vai receber seu visto japonês com UMA ENTRADA (SINGLE), o que quer dizer que esse visto só permite que você entre uma vez no Japão, independente dele continuar válido ou não.
Esse é o tipo de visto ideal para quem vai viajar somente para o Japão, ou de lá vai embora para outro país, sem precisar voltar.

recibo com valor do visto japonês
Esse é o papel que você vai receber para retirar seu visto.
SEGURO VIAGEM COM 10% DE DESCONTO

Aqui no blog nós indicamos a Real Seguros como a melhor comparadora de seguros e com o preço imbatível! Eles tem um atendimento de primeira e vão estar ali pra te ajudar em qualquer situação. Comprando aqui nesse link você ganha 10% de desconto! automaticamente.

VISTO JAPONÊS DE MÚLTIPLAS ENTRADAS


Mas e se você quiser sair e entrar de novo no Japão em uma mesma viagem? Aí a solicitação deve ser feita para um visto japonês de múltiplas entradas.

Eu já tirei esse visto também, e o caso foi o seguinte: Eu ia chegar no Japão e dois dias depois pegava um voo para China. Fiquei lá por 25 dias e voltei pra Tóquio pra aproveitar o resto das férias.

Ou seja, eu entrei no Japão DUAS vezes durante essa viagem. A única coisa que tive que incluir na documentação foi a passagem de ida e volta da China comprada, para comprovar que vou sair e entrar no Japão dentro daquele período. Gente, sem essa passagem eles NÃO VÃO seguir com sua solicitação.

visto japonês de multiplas entradas

Como vocês podem ver ali em cima eu podia entrar duas vezes no Japão, dentro do período de 03/07/2015 a 03/01/2016, e ficar 30 dias em cada entrada!

>>Leia sobre Como são os Cat cafes em Tóquio

VALORES DO VISTO JAPONÊS


Comparado com o preços dos outros visto por aí, eu acho o visto do Japão barato. O pagamento é feito SOMENTE EM DINHEIRO no próprio consulado no momento da retirada. Eles ainda pedem para levar o dinheiro trocado, se possível.

Os valores do visto japonês são:

  • Visto de uma entrada (single) – R$86,00
  • Visto de múltiplas entradas (doble) – R$171,00
  • Visto de trânsito – R$20,00

O visto fica pronto em apenas 2 dias úteis. Bem rápido!

ISENÇÃO DO VALOR DO VISTO


Fique de olho! Se por acaso você for visitar as regiões de Okinawa, Miyagi, Fukushima ou Iwate, você não paga pelo seu visto!! O Japão quer aumentar o turismo nessas áreas, e por isso oferece esse incentivo ao viajante.

Mas você precisa levar o comprovante da passagem para um desses lugares, ok? Não adianta só colocar no cronograma.

HORÁRIOS DE ATENDIMENTO NO CONSULADO


Aqui no Consulado Japonês de São Paulo o atendimento para protocolar o visto é feito segundas, quartas e sextas das 9:00 às 12:00.
Para buscar você deve ir de segunda à sexta de 14:00 às 16:00.

Separe um tempinho, porque geralmente fica cheio. O ideal é ir logo de manhã, pois se faltar qualquer documento, da tempo de você providenciar antes do Consulado fechar.

consulado do japão em SP
O consulado do Japão em SP é assim, bem pequeno

O Consulado do Japão de São Paulo fica na Av. Paulista com Joaquim Eugênio de Lima, dentro do Shopping Top Center e do ladinho da minha casa. Quando vierem tirar o visto japonês deem um alô e me paguem um café, por favor. 😝

Veja aqui todos os Consulados do Japão e confira os horários de atendimento.

QUEM PODE DAR ENTRADA NO VISTO JAPONÊS?


Bem, somente você próprio ou membros diretos da sua família podem dar entrada no visto. Membros diretos são: pai, mãe, esposa, marido ou filhos. Não adianta pedir pra um amiguinho que mora perto (tipo eu… hahaha), porque não pode mesmo.

O processo é bem simples, gente, não precisa ficar com medo. Maaaas eu sei como essas coisas de visto são complicadas para algumas pessoas, por isso, vou te indicar uma pessoa da minha confiança que pode te ajudar no processo.  🙂

A Débora, do Trip Assessoria, pode te orientar com a documentação e preenchimento dos formulários, para você ir com tudo redondinho! Ela só não pode dar entrar para você, né, mas você vai ter certeza que vai chegar com tudo o que precisa para entrar de primeira com seu visto japonês.

O Consulado do Japão em São Paulo é minúsculo, né, então você escuta tudo que as pessoas estão falando durante o atendimento. Praticamente todo mundo que era atendido antes de mim não completava o processo porque estava faltando algum documento, impressionante.

O serviço dela custa R$120,00, e é só você entrar em contato com por esse formulário aqui abaixo 😉

Faça aqui a cotação com a agência Trip Assessoria e garanta nosso desconto especial! Basta preencher o formulário abaixo:

Enfim, está mastigado, né? Mas se tiver ficado qualquer dúvida, grita aí, galera! E me falem também o que acharam do processo em comparação com de outros países que já fizeram! 😉

LEIA MAIS

278 Comentários

  1. Oi Thaís, sobre o cronograma, como posso colocar quando quero fazer um bate-volta? Quero ficar hospedada em Osaka mas fazer um bate-volta em Kyoto, como fica a questão do hotel?

  2. Ótimo post, me tirou várias dúvidas, porém restou uma bem específica pro meu caso. Moro em Macapá, e em Belém tem um consulado. Eu vou viajar para o japão dia 22 de janeiro, saindo de SP. posso ir antes pra Belém (tipo, dia 16) e dar entrada no visto pra pegar antes do dia 21, quando iria pra SP esperar o vôo, próximo assim da viagem? Senão teria que ir pra lá só pra tirar esse visto, e aí os gastos aumentam.

  3. Vou tirar o visto sábado para uma entrada de 14 dias no Japão, tenho 8 mil na poupança , isso é o bastante para eles? ou eles vão encrencar??

  4. Boa Noite,
    Você disse que somente o solicitante pode dar entrada no visto. No caso da retirada outra pessoa pode buscar se estiver com o protocolo?
    Obrigada

  5. Oi Thaís! Estou amando o blog e, principalmente, as dicas para o Japão! Bem, estou indo pra Tóquio no final do mês e talvez eu vá para Seul , um bate e volta de fim de semana… Nesse caso, eu precisaria do visto de duas entradas, né? E mais, eu já teria que ter a passagem comprada para Seul, correto? Como eu só tenho duas semanas por lá, não sei se vale a pena ir Seul e tinha pensado em “avaliar” isso quando já estivesse no Japão, mas estou vendo que isso não vai ser possível haha… O seu post fou MUITO elucidativo, até porque se eu fosse pra Seul sem o visto de duas entradas, ia ser barrada na volta… Bem, estou achando que vou deixar essa coisa de Seul pra lá haha O que acha? Não é mesmo possível tirar o visto das entradas sem a passagem pra Seul? Você acha que em um roteiro de 15 dias vale a pena sair do Japão? Beijosss e desculpe pelas questões “existenciais”

    • Oi Maria,
      sim, precisa de visto de 2 entradas e já ter a passagem pra Seul. Eu acho que não vale a pena ir passar só um fim de semana, pelo menos não é minha pegada de viagem.
      Eu prefiro ficar quietinha em um canto e aproveitar bem! heheh Com 15 dias eu ficaria todinhos no Japão!
      Beijão

  6. eii, adorei o post, me deixou mais animada pra minha viagem haha mas fiquei com algumas duvidas quanto ao visto de mutiplas entradas.
    Porque eu vou para o japão em dezembro, mas dois dias depois que eu chegar lá, eu irei para a indonésia, mas a passagem será comprada la no japão mesmo, ai como que eu faço nesse caso? porque depois eu voltaria para lá, por isso precisaria do visto de multiplas entrada… e quanto as passagens para o japão, eu tenho que comprar antes de pedir o visto?

  7. Oi Thaís, tudo bom? Muito obrigado por todas essas informações ! Principalmente o do cronograma, me ajudou muito a estruturar o endereço do hotel.

    Pretendo levar minha mãe, e vou custear praticamente toda a viagem, sabe dizer se a carta que ela precisa entregar é a carta de garantia, ou uma carta de custeio? Obrigado!

  8. Olá, obrigado pelo esclarecimento .
    Minha situação é complicada. Tenho bens e condições pra adiquirir visto turista. Namorei com uma japonesa no Brasil por nove anos, porém ela queria muito voltar pra lá, so que tenho que cuidar da minha vó doente…nisso rompemos e ela foi depois de 6 meses, ela com visto e tudo . Acontece que sinto falta dela (faze dois dias que ela foi e imagino como se nunca mais fosse ver ela ), varias pessoas me pediram pra impedir ela de ir, mas ela tava tão feliz que seria egoísmo…enfim; o dia que minha avó vier a morrer,’tenho vontade de abandonar os negócios da família,’abandonar todos e ir. Pensei em visto de turista, ocultar ela da historia e casar lá,’visto que seria um casamento legítimo, e eu tenho foton dos 9ultimks anos,’desde o primeiro beijo.’será que casando la eu conseguiria esse visto permanente ? Ou seria melhor ela vir pro Brasil e realizar os trâmites aqui ?
    Muito obrigado

  9. Um anjo na terra! kkkkk Nem vou tirar visto, vim por curiosidade e o texto está perfeito, muito bem explicado. Parabéns!

  10. Olá! Adorei essa publicação e precisava muito de sua ajuda… Eu tenho parente no Japão, porém não sou descendente, meu tio é casado com uma japonesa. Me informaram que eles não podem ser meus “garantidores financeiros” pois não tem um vínculo mais próximo como pai e mãe… E que no caso, eu preciso comprovar uma quantia. Sabe me dizer se essa informação procede? Mesmo meus tios tendo residência fixa lá? E se sim, qual o valor preciso garantir? SOS!!!!! Obs: trata-se de uma viagem de 15 dias

  11. Boa tarde Thais.

    Obrigado pelas dicas. Eu gostaria de tirar uma duvida, eu moro em MInas (BH) e pelo q vi teria q ir no consulado do Rio certo?
    So que eu teria q ir e nao poderia ficar esperando.
    Eles tem o serviço de envio do passaporte para a nossa residencia como no caso do Visto do EUA?
    É complicado ter q ficar la de 2 a 5 dias esperando.

    Obrigado

    • Oi Marcelo, não tem não. Só Brasília que trabalha com esse serviço.
      Você teria que ficar por lá, contratar uma agência ou despachante para fazer para você ou pagar a taxa de R$130,00 a mais para o visto sair no dia útil seguinte!
      Beijão

  12. Olá Thais boa noite
    Tenho uma dúvida,se puder me ajudar serei Grata
    Meu namorado tá lá no Japão e esse ano tô querendo muito ir pra lá,só que faz 1 mês que sai do serviço então tô trabalhando no momento como autonomo…será que eu consigo declarar como autonomo ou tem alguma forma de usar a renda dele até pq ele que vai pagar toda a viagem … o que eu posso fazer exatamente ????

    • Oi Layara, seu caso é mais complicado. Você só pode usar a renda dele se fosse dependente no IR… só assim vale.
      Se não, você pode colocar seu IR do ano passado e comprovar renda com extratos e aplicações financeiras.
      Espero que de tudo certo 🙂
      Beijão

  13. Olá Thaís. Tenho algumas dúvidas:
    Eu tenho IR mas sai do meu emprego faz alguns meses. No preenchimento da solicitação de visto eu devo preencher o nome e endereço do empregador? E sobre os extratos bancários posso levar aqueles retirados do caixa eletrônico? Agradeço pela atenção.

  14. Thaís, vou dar entrada no visto no final do mês! Como disse passagens pagas, hotéis pagos e aplicação financeira ( poupança) para mim e minha esposa! Estou só com medo de extrato, já que o que ganho pago as contas (consegui guardar tbm) e estou muito assustado com o que falam que precisa de muito dinheiro na conta para eles aprovarem o visto! Como disse tenho IR com casa declarada (vínculo), sou mei, mas estou tenso e preocupado se vão nos dar o visto!

  15. Oi, nunca vi um post com tantos comentários, li muitos, mas não deu pra ler todos.
    Você sabe me dizer se há algum problema com impressões frente e verso? tenho extratos bancários em que saiu apenas as informações de rodapé do extrato no verso.
    O IR tem q imprimir também só frente?

    • Oi Suzi! haha o pessoal aqui interaje <3
      Acho que eles reclamando sim, viu? Melhor fazer em uma página só. Mas se for só um detalhe do rodapé não tem problema! O IR tem que ser completo e com recibo!

  16. THAIs estou preocupado! Passagens pagas, hotéis pagos, documentos ok! Estou com uma aplicação financeira (poupança) de quase 10 mil para cada um (eu e minha esposa) . Ficaremos 15 dias, mas estou vendo tantas coisas que o povo fala na net, que parece que pra visitar o Japão vc precisa ter 20 milhões na conta! Tenso!

  17. Olá Thaís meu nome é Isaac Newton. Sou pastor evangélico e pretendo conchece o Japão e participar de umas conferências cristãs por lá. Estava procurando informações sobre como obter o visto e me deparei com sua pagipá que informa todos os detalhes. Parabéns por seu trabalho sobre esse assunto!!! Me me tire uma dúvida??? Eu não declaro imposto de renda pois como sou pastor, tenho minhas atividades dentro da minha função eclesiástica. Como faço sobre essa questão de declaração de imposto??? Outro sim!!! Primerio eu organizo a documentação necessária, depois compro a passagem e anexo tudo a documentação né??? Pra dar entrada??? Pois tem o período do qual você se referiu sobre a viagem, ou a validade do
    visto comeca quando eu entrar no Japão??? Obrigado pela sua atenção !!!!

  18. Olá, adorei suas orientações!!
    Estou com algumas dúvidas, se souber me ajude por favor!!?
    * quanto tempo sai o visto ( tenho certas urgência)
    * a passagem tem q ser de ida e volta ou só ida?
    * pedi as contas no meu trabalho, trabalho até dia 02/09, isso pode interferir? Tenho IR.
    * formulário de roteiro pode ser preenchido só com uma cidade e endereço? Vou visitar minha família apenas
    Obrigada

    • Oi Tatiane,

      2 dias úteis;
      passagem de ida e volta,
      IR completo (eles não pedem comprovação de emprego),
      no cronograma você pode colocar só cidade endereço e telefone, como está no post.

      Beijão!

  19. Posso parecer ansiosa, mas é precaução mesmo… rs Já estou de olho nas Olimpíadas em Tokyo e me preparando financeiramente para ir para lá em 2020. Se houver alguma dica para esta época, por favor coloque aqui! 🙂

  20. Olá Thais!!
    Achei muito bom esse post sobre o visto… estava mooooito preocupada, procurando informações sobre qualquer problema que poderia ter com relação ao visto e me deparei com sua experiência…. Realmente o processo é muito simples e quando tive alguma dúvida liguei diretamente no consulado, sempre fui muito bem atendida e as respostas bem diretas, o que me deu uma segurança muito maior.
    Obrigada por compartilhar sua experiência!!

  21. Oi Thaís, como vai?
    Tenho algumas dúvidas quanto ao comprovante de renda.
    Em relação ao IR, nunca declarei (nem sei onde faço isso). Preciso de IR assim mesmo? (Dei uma lida nos comentários anteriores, mas a dúvida perpetua. onde consigo declaração de isenção?)
    No Cronograma de viagem, como preencho o campo “hospedagem e telefone” se pretendo ficar a viagem toda na casa do meu namorado? Apenas o nome e telefone dele? Preciso colocar o endereço completo? Caso decidamos viajar quando eu já estiver lá, consigo usar meu passaporte dentro do Japão normalmente?
    Realmente, você deu tudo “mastigadinho”. Adorei seu blog!

    • Oi Allana, você tem que declarar no site da Receita Federal, mesmo isento.
      Coloca o Nome, telefone e endereço completo dele. se quiser viajar, não tem problema nenhum, pode ir sem medo 🙂
      Obrigada pelo elogio, fico feliz que tenha gostado!!! <3

  22. BOA NOITE.SOU CHINESA NATURALIZADA NO BRASIL. TENHO O PASSAPORTE E ID DE TAIWAN, QUERO LEVAR 2 AMIGAS A MINHA TERRA. ASSIM TERAO QUE TIRAR O VISTO PRA TAIWAN….NO ENTANTO ELAS QUEREM IR A OKINAWA E TOQUIO.VAO FICAR COMIGO EM TAIWAN RESIDENCIA FIXA.E COMPRAREMOS PACOTE PRO JAPAO LA NA MINHA TERRA. VOU LEVA LAS PRA CONHECER TAIWAN PRIMEIRO, E DEPOIS IREMOS A OKINAWA E DEPOIS TOQUIO E VOLTAMOS A TAIWAN. RETORNO AO BRASIL 20 DIAS DEPOIS. ESSE PASSEIO ELAS MESMA VAO CUSTEAR.OKINAWA EH PERTO, PRECISAM DE VISTO NESSE TRECHO. E PRA TOQUIO COMPRAREMOS SOMENTE O PACOTE EM TAIWAN . ENTAO MINHA DUVIDA: SAO 2 VISTOS PRO JAPAO, E TEREMOS PROBLEM,A PRA APROVAR UMA VEZ QUE NAO TEREMOS HOTEL NEM PACOTE TURISTICO,OS TAIWANESES TEM LIVRE ACESSO PRO JAPAO. EU VOU JUNTO COM ELAS. ENTAO. SAO 2 VISTOS EM CADA PAIS OU MULTIPLAS ENTRADAS. OBRIGADA

  23. Thais, só tenho uma duvida: não ficarei hospedada em hotel, ao invés disso alugarei um apartamento. Não tem problema colocar o endereço do apartamento no cronograma, ne?

  24. Oi Thaís 🙂
    Obrigada pelo post! Me ajudou bastante! Só fiquei com uma dúvida: É a minha primeira viagem ao Japão… Será que eu consigo o visto de multiplas entradas ou só de uma única entrada (por ser a primeira vez)?

    Obrigada! 🙂
    Natalia

    • Oi Natalia, você consegue o visto de turismo só de uma ou duas entradas, de acordo com seu roteiro.
      Só tira múltiplas quem tem justificativa, como parente que vive lá ou algo do tipo.
      Beijos!

  25. Ola, boa noite,
    Ótimo blog e informações úteis e muito top….

    So uma duvida, que nao consegui extrair do texto, e, nem dos comentários….

    Vc protocolizou o pedido de visto pelo que vi no dia 03.07 e poderia buscar a partir do dia 08.07, no caso a tramitação durou em media 5 dias?

    Pergunto pq nao sou de Sampa, e tenho que computar esse prazo.

    abs.

  26. Boa tarde.
    Estou em Bangkok e gostaria de tirar o visto para o Japão aqui na Tailândia.Porém, o consulado e a embaixada do Japão me informou que só conseguirei tirar o visto para o Japão no Brasil, ou se eu tiver o visto de estudante ou trabalho aqui na Tailândia. Por gentileza, alguém poderia me informar se existe alguma outra forma mais simples de tirar o visto para o Japão? Obs: o motivo da viagem para o Japão é para participar de um campeonato.
    Agradeço desde já.

  27. PARABÉNS POR TUDO! A DÚVIDA DE MUITOS… TENHO 51 ANOS, PRETENDO IR PARA O JAPÃO EM ABRIL 2018, MEU MAIOR SONHO! NÃO DECLARO IR, POIS SOU ISENTA, SOU APOSENTADA COMO PROFESSORA, O SALÁRIO UFFA! UMA VERGONHA, E TENHO TAMBÉM UMA CASA ALUGADA, FAÇO SEMPRE UM CONTRATO DE ALUGUEL SIMPLES, SERÁ QUE ESSE CONTRATO TAMBÉM ME AJUDARÁ A CONSEGUIR O VISTO, EM RELAÇÃO AO IR ISENTO VOU DECLARAR NO PRÓXIMO ANO SO QUE COMO ISENTA, POIS GANHO POUCO, E A OUTRA GRANDE DUVIDA É: MEU IRMÃO PODE SER MEU FINANCIADOR MESMO SENDO CASADO E MORANDO NO BRASIL, SERA QUE POSSO USAR O IR DELE E COMPROVANTE DO SALÁRIO DELE? SOU DO NORDESTE DO BRASIL. PERNAMBUCO, ESTOU ENCANTADA COM SEU BLOG E COM SUA EDUCAÇÃO EM NOS IRAR ESSAS DÚVIDAS. MUITA SAÚDE PARA VC E FAMÍLIA. BJS. SE POSSIVEL RESPONDER PARA O MEU E-MAIL.

  28. Oi Thais,
    Como é a espera la no consulado para pedir o visto e para retirar o passaporte? Preciso ir cedo para evitar longas filas ou é sossegado?

    E amei o post! Super bem explicado! Bjs

    • Oi Tatiana, não tem regra não..Já fui lá várias vezes e em vários horários, cada dia era uma fila diferente. Lá não é grande, então não costuma ficar nada de fila absurda não..

      Beijão

  29. Oi Thais, tudo bem?
    Parabéns pelo Blog, Tudo muito bem explicadinho. Só tenho uma dúvida. Meu tio ( tio dá minha prima) mora no Japão há 17 anos, e me convidou para ir lá. Ele q vai pagar a passagem. Porém na documentação, eu preciso de algum documento dele ORIGINAL? Pois ele que vai bancar.

  30. Oi Thais, gostaria de saber se a documentação para visto e individual ou pode ser um para toda a família vai eu meu marido e minha filha e se é preciso já ter comprado a passagem e reserva de hotel, eu tenho medo de comprar e depois o visto não sair e ter dificuldade para cancelar, obrigada.

    • Oi Akemi,
      eu só tirei visto individual, não sei se eles aceitam tudo pra uma família, mas acredito que seria individual, viu?
      Já tem que ter passagem comprada sim, é uma das principais exigências deles.
      Beijos!

  31. Oi Thaís, tudo bem com vocês? Minha dúvida é: seria possível tirar um visto para o Japão estando fora do meu país de origem? Estou no Canadá (Vancouver) com visto de turista, posso ficar aqui por 6 meses. Tentei tirar o visto por aqui mesmo e não tive sucesso, mesmo tendo em mãos todos os documentos necessários. Portanto, você conhece alguém que tenha conseguido fazer algo parecido?

    • Oi Fred,

      da uma buscada aqui nos comentários, se não me engano alguém falou sobre isso. Parece que é mais complicado ou até não se pode.
      Da uma lidinha aqui que acho que você vai achar 🙂

      Bj

  32. Oi pessoal. Pra quem está perguntando sobre o custeamento de viagens por outra pessoa, é o seguinte: Eu e minha namorada tiraremos o visto, porém ela está desempregada e eu irei custear a viagem. Fiquei nessa dúvida também, se eu podia declarar isso no pedido do visto, e liguei no consulado. Eles me disseram que NÃO PODE, só pode familiar (ou cônjuge [legal]). Nesse caso, você deve apresentar IR do familiar, os extratos e comprovante de parentesco (tipo certidão de nascimento ou de casamento). Eles me disseram que há alguns anos eles aceitavam a declaração de custeio de amigo, etc..mas agora não mais. Se alguém por acaso conseguiu desse modo(amigo custeando passagem), fico curioso por saber!

  33. Olá Thaís Towersey!
    Sou de sp e meu namorado esta no Japão a 10 meses, queria ir fazer uma visita. Porém, minha renda é um salário mínimo, estou na empresa a 4 meses, será que eu poderia dizer que ele é meu amigo e que vai ser ele quem vai custear tudo? Ou colocar minha tia?
    Desde já agradeço! :/

  34. olá pessoal, to voltando aqui para poder dizer que finalmente me deram o visto do japão, como eu tinha comentado anteriormente, eu tive que chorar muito com o pessoal da embaixada para poder me ajudar, e no final das contas me deram uma opção de fazer duas entradas ao japão e assim poder conseguir tirar um visto com duração de 6 meses, que isso possa servir de experiência para outras pessoas que estejam fazendo/planejando sua volta ao mundo, fui feliz no meu caso aqui na embaixada do Equador, mas não sei se o pessoal do Brasil seria assim tão boas pessoas.

    Espero poder ter ajudado as pessoas que estão em situações similares, qualquer dúvida podem entrar em contato, uma boa viagem a todos os viajantes do blog.

    Alexandre Diniz

  35. Olá,
    Muito Obrigada pelo post, me ajudou muito. No meu caso, eu e uma amiga queremos ir para Tokyo, e passar só uma semana devido a escola e tal porque queremos ver um show de uma banda que gostamos. No caso, ela é quem vai pagar a minha passagem e nossa hospedagem lá, o resto sera eu. Porém, não tenho trabalho fixo e não tenho I.R, e ela é Americana (EUA). Nesse caso, o que faria?

    Obrigada

  36. Olá Thaís Towersey tudo na paz?
    Estou te escrevendo porque li duas dicas e fiquei satisfeito com as informações, estou me programando para que em outubro eu viaje ao Japão, Tókio, gostaria muito de dizer que estou viajando para o Japão.
    Tenho uma amiga no Japão que conheci em São Paulo, temos nos falado desde esse tempo e nesse ano estarei me aposentando e tenho pensado em visita-la. Minha passagem de ida e volta estarei comprando em 20 de agosto para viajar em outubro dia 15. Pois pretendo estar de voltar ao Brasil em Janeiro de 2018.
    Tenho uma pegunta para te fazer, sendo aposentado eu teria como morar por lá? Sabe algo a respeito?
    Que você acha desse programação?
    Vou ficar em Tókio todo esse tempo, se tiver de ir a outro lugar creio que seja dentro do Japão mesmo.
    Com antecipação agradeço sua atenção!
    Paz seja contigo e família.

    • Oi Sandro, que bom que gostou 🙂
      Não sei informação sobre morar… tem que ter um motivo. Nós moramos porque meu marido fez mestrado, mas foram pedidos mil documentos.
      Só indo no Consulado e perguntando!
      Espero que consiga!!!
      Beijos

  37. Olá boa tarde ,eu gostaria de saber no caso meu namorado está no Brasil e eu no Japão ,ele não trabalha faz bicos ,como faço p ele ir me visitar no Japão ,pois ele nw tem o IR ? Eu que vou bancar a viagem dele , se tem como eu apresentar algum documento dizendo que sou responsável pela viagem! ?

  38. Olá,

    Obrigado pelas dicas!

    Vou levar a carta convite caso seja necessário em algum momento, extrato do meu pai já está incluso nos documentos que eu apresentei da última vez, a única coisa que eles pediram foi meu extrato bancário(que está com uns 7.500R$ para a viajem pro Japão, recentemente depositados), realmente espero que consiga dar entrada amanhã e possa pegar o visto na quarta, pois domingo que vem a essa hora estarei perto de embarcar para esse sonho 😛 hahahaha!

    Comento o resultado aqui, provavelmente na quarta!

    Novamente obrigado!
    Bjs

  39. Olá Thaís,

    Fui tirar o visto essa semana, tenho 28 anos, infelizmente não to trabalhando faz um tempo, só faço uns bicos pro meu pai de vez em quando e estudo idiomas, por isso pedi para ele ser o financiador da viagem, levei todos os documentos necessários para provar meu vínculo com ele e todos os documentos dele, ele é empresário e tem uma boa renda para me bancar, de qualquer forma me enviou recentemente o dinheiro pra viagem, quando fui lá eles demoraram um pouco pra analisar e depois falaram que precisam de um extrato bancário meu dos últimos 3 meses…achei que só as coisas do meu pai resolveriam já que ele vai bancar a viagem :(, minha conta mal tem movimentação, apenas uma boa grana que é pra viagem *Coréia e Japão*.
    Eu já estou com tudo pago, estadia….transporte….passagens *Coréia e Japão…ficarei duas semanas no Japão e depois 3 semanas na Coréia*
    Tenho amigos em ambos países, frutos do intercâmbio, seria interessante levar uma carta convite de um desses amigos?!(já consegui uma de uma amiga Japonesa que pegou o visto BR através de uma carta convite minha), tenho um passaporte antigo com visto americano e no meu atual eu tenho um visto Canadense ainda válido, será que só o extrato bancário*com dinheiro mas sem movimentação nos últimos meses* e a carta convite, são o suficiente para eles darem entrada no meu visto e provavelmente aceitá-lo?
    To a pouco mais de uma semana para a viagem e estou tenso com isso, mesmo achando que com esse restante é possível tirar!

    OBS: na conta há dinheiro mais que o suficiente para bancar a viagem *alimentação e diversão já que o resto ta pago*

    • Oi Diogo,

      nem comenta nada de visto americano e visto canadense, pois eles ficam irritados. Eles falam que o visto do Japão é mais rígido.. se eu fosse você nem entrava nesse mérito.
      Se eles te pediram só os extratos é provável que aceitem sim. Você falou inicialmente que iria a turismo ou visita a amigos? Se for turismo e agora você chegar com uma carta eles podem começar a perdir coisas diferentes.. Leva o extrato do seu pai também! Eu faria isso.

      Boa sorte!
      Beijão

  40. Olá Thais,
    tudo bem?

    Vou para o japão do dia 23/03 até o dia 12/04.
    Estou pensando em tirar o visto nesta semana, seria um bom prazo dado os 3 meses que eu devo entrar no japão apos a emissão do visto, certo?

    Outro ponto: Qual o documento de imposto de renda que devo levar? É aquele que recebemos após elaborar o imposto de renda que tem os tributáveis e na última página tem um código?

    obrigado!

  41. Olá Thaís,
    Suas dicas ajudaram muito a entender o processo.
    Eu e minha esposa iremos ao Japão e iremos ficar a maior parte do tempo na casa da irmão da minha esposa, mas iremos custear toda nossa viagem.
    Minha dúvida é: no formulário, você preencheu que o objetivo da sua visita era “turismo” ou “visita à parente”?
    Será que tenho que levar os documentos necessários para visitar parentes, conforme consta no site do consulado: carta de garantia, comprovante de rendimento, carta explicativa do convite individual, atestado de residência e documentos da minha cunhada? Isso tornaria tudo mais complicado.
    Obrigado!

    • Oi Diego,

      eu visitei parente e levei tudo isso… na verdade, não levei carta nenhuma.
      Expliquei meu caso, que meu marido morava no Japão por um mestrado, e mostrei os documentos do visto dele de permanência, IR, nossa certidão de casamento.. Da primeira vez levei mais coisas, mas eles disseram que não precisava.
      Como eu iria 3 vezes no mesmo ano, não tive escolha se não fazer visita, caso contrário tinha medo deles implicarem com o porque eu estava indo tanto ao Japão. Mas foi tudo muuuuuito suave e nunca precisei voltar com nenhum documento.

      Mas aí vai ao seu critério se vai fazer assim ou turismo, somente..

      Obrigada por deixar sua marca no GMA e que bom que gostou do post 🙂
      Beijos

  42. Oi Thaís, adorei o post! A minha sogra irá para o Japão. Soube que existem 3 tipos de permanência no país. 15, 30 e 90 dias. Será a primeira vez dela no país. Você saberia me informar quantos dias ela conseguirá se permanecer? Seria para tursimo mesmo. Obrigada! Bjos

  43. Mayara, e outra coisa, é bom chegar lá com cartão de crédito, com o endereço de onde você vai ficar, com os números de contato do seu namorado, cópia do visto dele, o que for… não chega de mãos abanando no lugar, meio perdida, sem saber pra onde vai e como vai chegar lá, pq vc pode se complicar…. O irmão de uma amiga viajou num esquema assim para a França para visitá-la… Ele só se preocupou em entrar no avião… não tinha dinheiro, não tinha cartão, não sabia onde a irmã morava, já que ela ia pegá-lo no aeroporto e ia pagar tudo pra ele… Resultado? Foi deportado de volta pro Brasil…

  44. Mayara, nunca tirei o visto para o Japão, mas se puder dar um palpite aqui, talvez consiga te ajudar… Você é estudante ou seu pai/mãe te declara como dependente no IR deles? Acho que neste caso seria possível apresentar matrícula na escola no Brasil (para provar um vínculo aqui), o IR dos seus pais e emitir uma carta DELES dizendo que vão bancar sua viagem… Eu sinceramente não sei se carta do namorado seria tão válida assim… dos pais seria bem melhor… Foi isso que meu pai teve que fazer quando eu pedi visto de estudante na França. Mas liga no consulado e pergunta qual das alternativas seria melhor.

  45. Eu quero viajar ao Japão em menos de duas semanas. Dia 25 de janeiro já quero estar partindo. Mas gostaria de tirar algumas dúvidas com você, se possível.

    – Eu não declaro e nem nunca declarei imposto. Ainda assim tenho que ter algum documento quanto a isso?

    – Eu não trabalho, estou indo viajar pra ver meu namorado, ele é quem vai arcar com a viagem. Preciso comprovar renda? Como seria isso?

    – Já contatei diversas vezes o escritório consular aqui de Recife, eles me mandam anexados em email, formulários com arquivos vazios, não podem ser abertos. Posso usar o formulários fornecido pelo consulado de São Paulo, por exemplo?

    – Ainda sobre comprovação de renda, teria eu que fazer a comprovação de renda de quem arca com a viagem, no caso, meu namorado?

    Me desculpe pela Bíblia escrita, mas realmente preciso dessas informações para viajar o quanto antes.

    Desde já agradeço sua atenção e boa vontade. ♡

    • Oi Mayara, mas infelizmente não vou conseguir te ajudar muito..
      Não sei se o Consulado de Recife funciona como daqui de SP. Você precisa sim entregar algum imposto de Renda aqui, nem que seja de isento.
      Acho que você pode pedir para ele fazer uma carta dizendo que vai custear sua viagem e mandar o IR dele, mas somente conversando com o Consulado que você vai dar entrada para saber o que eles exigirão.
      Podem ser que aceitem só isso, pode ser que peçam mais comprovações..

      Vâ até lá e se informe melhor!

      Beijos

  46. Eu ainda moro no Equador, falei com o pessoal da embaixada aqui do Japao e depois de muito chorôrô Brasileiro, eles em disseram que o máximo que poderiam fazer para me ajudar é que nós comprassemos outro boleto de voo e fazer duas entradas no Japão, a senhora do consulado me recomendou pedir o visto de 6 meses com 2 entradas, eu ainda nao dei entrada no pedido, ja que vou estar pelo Japão do dia 11 de Julho até o 28, vou esperar até mais ou menos a metade do mês e finalmente dar entrada nos papéis, espero que dê certo, para que voces tenham ideia, estou pensando em ir para coreia do sul passar 3 dias em Seul, e depois regressar para o Japao e continuar minha viagem.

    Espero haver podido ajudar também!

    • Oi ALexandre, ajudou com certeza!

      Nossa, espero que de tudo certo.. que trampo!
      Mas você vai ver que o Japão é incrível e depois vai esquecer essa dor de cabeça toda!

      Obrigada por deixar sua marca no Guia Mundo Afora 🙂
      Beijão

  47. Boa ideia, Thais! Vou ligar outras vezes mesmo… Falamos com o consulado do Rio. Às vezes vale tentar no de SP também… Mas por ora então, a resposta é negativa… 🙁

  48. Meu marido acabou de ligar no consulado do Japão… Más notícias… Eles confirmaram que só pode tirar visto no país de origem ou de residência e que se a gente quer estar no Japão em abril, tem que vir no consulado aqui do Brasil em fevereiro e acabou… Ou isso, ou mudar o roteiro da viagem… Então pelo jeito o Japão será excluído da nossa volta ao mundo… Azar o deles rsrsrs

    • Mentiraaaaaa! Não acredito…choquei!
      Ana, liga de novo em outro horário para ver se fala com outra pessoa.. essas coisas vão da decisão deles. Às vezes a gente pega alguém com mais boa vontade de ajudar.
      Nossa.. to passada ainda. Não lembro se você mora aqui em SP ou no Rio, mas se você puder conversar isso pessoalmente é sempre melhor..

      Mas obrigada super por ter vindo contar isso!
      Vai esclarecer muito pros próximos leitores!

      Beijão

  49. Estou no mesmo barco do Alexandre Diniz… Quero partir de viagem em julho/17, mas só pretendo passar no Japão em abril/18! …. Precisa traduzir declaração do IR para apresentar no consulado ou é em português mesmo?

    • Oi Ana Luisa,
      não, tudo em português… nesses casos é melhor ir pessoalmente e explicar o caso. Eles vão achar uma solução!
      Se um de vocês dois puderem voltar para contar o que deu, os leitores iam agradecer muito 😉

      Beijão e boa viagem!

  50. Oi Thais,

    Eu e a minha esposa estamos planejando dar uma volta ao mundo, e um dos ultimos destinos nossos será o Japao, ja vimos que eles geralmente tem uma regra de que uma vez emitido o visto, se tem que entrar no pais em 90 dias, existe a possibilidade de eles colocarem uma data de expedicao mais perto de quanto estaremos no Japao, para nao ter que tentar tirar o visto em outro pais??

    muito obrigado pela ajuda,

    • Oi Alexandre, não sei te dizer o que eles fazem nesses casos especiais. O melhor a fazer é se informar direto no Consulado, pois cada caso é um caso, eles podem abrir uma exceção..Mas só eles mesmos para te confirmar isso!
      Boa viagem 🙂

  51. Oi Thaís,você pode me dizer se eu só posso tirar o visto no Brasil?
    Porque estou na Coreia e queria muito ir ao Japão,mais ainda não sei se no consulado daqui ele liberam!

  52. Ola Thais, tudo bem?

    Estou morando atualmente na Tailândia e não achei nada sobre como tirar o visto do Japão estando fora do Brasil. Você sabe se é possível?

    Obrigado

    • Olá!! Então, não tenho certeza, mas provavelmente deve ser possível sim. Procure o Consulado ou Embaixada do Japão na Tailândia, só eles vão poder te dar informações reais dos procedimentos.
      Meu marido já tirou o da China no Japão por exemplo, então acredito que pelo menos na maioria dos países não seja necessário voltar pro seu país de origem não!
      Boa sorte e aproveite muito esse país lindo! (comentário sendo respondido direto do aeroporto de BKK…rsrs)

      Beijos

  53. Boa tarde, Vi seu post sobre o visto.
    Não tenho declaração de IR. Extratos como comprovante de renda + contra-cheuque.. Acredita que eles verificam quanto vc tem em conta ou sua movimentação mensal?

    • Oi Mo, não se sabe.
      Eu entrei como dependente, por exemplo.. tem que levar a documentação lá e ver o que eles vão dizer..Mas não acho que tenha um valor alto e definitivamente não tem valor fechado.

  54. Boa noite! Estou precisando de ajuda….
    Encontrei seu blog há uns meses e me ajudou muito sobre visto japonês, mas parece que quanto mais procuramos, mais coisas negativas encontramos.
    Meu noivo mora no Japão e quero visita-lo em dezembro, já comprei passagem de ida e volta e reservei um lugar pra ficar nos últimos 3 dias, já que vou passar grande parte dos dias na casa dele. Só que sou autônoma e nunca declarei IR, apesar de ter trabalhado já. Meu medo é que neguem meu visto por não trabalhar ou acharem que eu posso ficar ilegalmente lá, sendo que meu noivo vai voltar comigo nessa viagem…. me ajuda, por favor. .Estou desesperada..
    Alias. .Vou usar o IR do meu pai…e tenho uma quantia satisfatória em conta….

  55. Oi, gostei muito do seu post mas queria saber como faço pra tirar o visto de turista indo como meu namorado sendo o financiador, quais documentos ele tem que mandar pra mim?

  56. Oi Thaís,
    Só conheci seu blog agora, e por causa desse post. Estou atras de informações sobre o Japão e visto.
    Eu estou viajando pela Indonésia e gostaria de estender minhas férias e ir ao Japão. Você sabe me dizer se consigo tirar o visto não estando no meu país? Indo ao consulado do Japão aqui na Indósenia, consigo o visto de turista para o Japão?
    Já ouvi falar que não consigo, pois preciso estar no meu pais, mas não achei essa informação em nenhum lugar no google…
    Se você puder me ajudar, ficarei muito agradecida!
    Obrigada.
    bjs

    • Oi Leticia,
      acredito que consiga sim, mas as regras podem ser completamente diferentes dessas que escrevi aqui. Casa Consulado e Embaixada pode ter um procedimento diferente.
      O melhor é ligar pro Consulado do Japão na Indonésia ou ir diretamente lá mesmo.

      Meu marido tirou o Visto da China quando estava no Japão, por exemplo. Não vejo porque não conseguir..
      Beijnao

  57. Olá Thaís, estou juntando os documentos para tirar o visto, atualmente eu e meu marido somos autônomos, porém ele declarou IR esse ano quando ainda era funcionário de uma empresa. Vamos levar essa declaração na qual inclusive entro como conjuge, porém o que devo preencher no campo de profissão/ocupação/cargo e dados do empregador? Já que atualmente não há esse registro para nenhum do dois? Se eu colocar o antigo e o que ainda constava na declaração, cola?

  58. Obrigado Thaís. Vou ver se consigo negociar com eles.
    Estou meio enrolado com o visto pra China ainda, preciso primeiro o do Japão. Muita burocracia isso. Minha namorada veio do Japão, ficou aqui 4 meses, e tirou o visto tudo por correio, sem comprovar renda, cronograma, nem nada. Deveria ser uma via de mão dupla isso……

    • Oi Thiago, infelizmente não é..
      Mas olha. não achei complicado o processo e fiz 3 vezes ano passado. O Visto Americano é mt mais chato, com entrevista, um monte de comprovação de tudo..
      Vai dar tudo certo, fica tranquilo!

  59. Ola Thaís,

    No seu caso, voce solicitou visto de multiplas entradas ou tem algum tipo de solicitação para duas entradas?

    No meu caso, eu pretendo ir em Dezembro e voltar em Maio, porém irei na china nesse meio termo. Todavia, nunca tirei o visto antes, e o de multiplas entradas so pode tirar quem ja tirou o visto antes. Poderia me informar sobre algo?

    • Oi Thiago, eles criaram esse tipo de visto depois que fui algumas vezes ano passado…
      Mas acho que se você tiver a passagem já da ida em Maio pode tentar negociar lá na hora e explicar seu caso.

      Se precisar de ajuda com o da China, me avise 🙂

      Beijão

  60. Thaís, valeu pela dica sobre Okinawa. Não conheço ninguém que tenha ido para lá… Morro de vontade de conhecer. Pesquisei várias literaturas sobre como visitar a ilha, e todas dizem é necessário ter carro lá. Não posso dirigir lá. Pena… Vai ficar para a próxima.
    Muito obrigada pelo seu relato, que isso irá me ajudar na definição do meu roteiro.

    • Oi Sofia,
      vou escrever sobre isso pra ajudar outros. Mas fico feliz de vc ter perguntado, pq foi uma triste viagem, essa minha…
      Se você conhecer alguém no Japão que queria e possa te levar, aí sim vale a pena!

  61. Olá Thaís!
    Vi que no seu roteiro de viagem você planejou ir a Okinawa. Foram quantos dias? Você usou carro? Pode me contar como foi?
    Obrigada.

    • Oi Sofia, eu ia escrever sobre isso, mas acabei não fazendo.
      Brasileiros não podem dirigir em Okinawa, a não ser que sejam residentes e tenham habilitação de lá.
      Não da pra visitar a cidade sem carro, e os preços dos taxis são abusivos. Então, eu voltei no voo seguinte. Descobri isso da pior maneira!

  62. Tenho 19 anos e não trabalho ainda , dá pra eu entrar com algum tipo de comprovação de renda pelo extrato do banco dos ultimos meses ou algo do tipo ? Ou deixar só em branco
    Pois minha mãe declara imposto , porém ainda está em dívida com a receita , mas ela declara todos os anos !

  63. Obrigado!!
    Ou seja eles primeiro dizem se aprovado ou não, na hora? ai dps marcam a retirada?
    Pensei que tinha que pagar para depois ir fazer entrevista.

  64. Oie tudo bem? Fiquei curioso! Queria saber mais sobre sua experiência cê fez tudo sozinho? Que magnifico! Me ajuda ai, se poder me passa teu contato, sou do RJ e queria alguns detalhes ok? Valeu !

  65. Obrigado por isso!
    Então darei seguimento! Ai tenho que pagar a taxa de R$79,00 e levar os doc como dito por você à cima, e aguardar para retirar pós os 3 dias úteis é isso? Pagaria mais se fosse por agência né? No Rio tem né? o consulado, tipo igual esse da foto.
    Muito obrigado! Sucesso!

  66. Sim, entendi. Então eu tenho que comprar a passagem! E eu comprando eu conseguiria o visto com facilidade sem problemas né? Obrigado!

  67. Então querida, eu queria um tempo maior de visto, por ex: Vou ver um voo de ida e volta de 1 ano. Um exemplo na verdade eu só queria ter o visto no meu passaporte, sou fominha de carimbo e visto esse seria o primeiro, Um exemplo eu conseguiria uma reserva de voo mesmo sem pagar a mesma? Ou seja pelo fato de ter que levar a reserva do voo e nao quero pagar a passagem, pois nao vou agora, pois tenho outros planos, eu conseguiria fazer isso?
    Tipo fazer um simulação de voo ou seja por telefone ou pelo site mesmo, esperar a confirmação por e-mail e imprimi-la e levar isso daria certo?
    Eu vou para Japão, mais não agora.

    • Isso não existe. Para você ter um voo, você tem que pagar por ele, e para justificar um visto de um ano no Japão você precisar se mudar pra estudar ou qlq coisa, ter provas. Não da pra ter “por querer”.
      Quando você for ao Japão realmente, aí tira o visto.

  68. Gostei da explicação bem descontraída!
    Quanto ao tempo lá, poderia dizer no consulado que vou ficar duas semanas? ou teria que estender esse tempo? Em relação ao visto depois de aprovado com quanto tempo o passaporte é devolvido?

    • Oi Elias, que bom que gostou 🙂
      Eles vão te dar o tempo que você provar com as passagens. Se for 2 semanas eles darão 15 dias.
      Acredito que sejam 4 dias úteis, tem um tempinho que não vou lá, vou até ligar para me atualizar!

      Bj

  69. Olá Thaís, as informações do seu blog é realmente bem útil, pretendo ir ao Japão em Dezembro, em visita a minha namorada, porém andei lendo no consulado que visto de curta permanência para turista é de 15 dias e máximo 90 dias, como será a minha primeira vez, queria saber se pode me ajudar em relação a uma duvida que permanece, eu sendo apenas turista posso de cara já pedir visto para 90 dias? se sim existe alguma possibilidade de eu ficar mais tempo lá? ou se não, se eu posso ir e voltar ir e voltar, por exemplo, vou fico 90 dias retorno ao Brasil, fico aqui algum tempo e retorno ao Japão, existe essa possibilidade?

    Agradeço desde já.

    • Oi Emilei, não sei te dizer. Cada visto que você tirar terá que ser separado e com justificativa com passagens, ou seja, para você tirar 90 dias, vai ter que ter passagens e rotiero explicando o tempo..
      Quando voltar ao Brasil e for tirar outro visto, vai fazer tudo de novo. Leva um comprovante de residência ou algo assim da sua namorada, para explicar porque você quer ir “tanto” pra lá.
      Quando meu marido estava morando, eu fui muiutas vezes sempre com essa explicação.

      Bjs

  70. Oi Thais
    Eu to pensando em ir para o Japão. Só que estou com uma duvida tem como tirar um visto de um ano para ficar lá?Mesmo não tendo parentes no Japão e não tendo trabalho, nem tendo um curso para fazer lá no atual momento.
    E se tem como quando eu já estiver no Japão prolongar o meu visto? E se tem como mudar ele para poder arranjar um trabalho no Japão enquanto fica por lá?

    • Oi Alison, não faço ideia de como responder nenhuma dessas perguntas, só tirei visto de turismo para lá.
      MAs olha, se você não tem parentes, não tem eprego lá, é praticamente impossível eles te darem um visto longo, tem que ter motivo.
      Mas o melhor a fazer é procurar o Consulado.

      Bj

  71. ola thaís!! eu tenho akgumas duvidas quanto a declaração de renda, eu não estou empregado e moro com meus avós, porém não sou menor, tenho 19 anos, como eu faço para tirar o visto? sem renda é impossível?

  72. Olá Thaís, tudo bem?
    Gostaria de uma informação. Preciso ir pessoalmente retirar o visto ou posso pedir para outra pessoa ir no meu lugar no consulado? O visto demora muito a sair?
    Muito obrigada!!
    Marcela

  73. Bom dia Thaís,
    sonho em viajar para o Japão, tanto para passear quanto para trabalhar, mas eu viu seus comentários que o visto só vale por três meses. Tenho amigos no Japão. Como devo proceder. Moro em Recife PE.

  74. OLA THAIS ! ESTOU PASSANDO PARA AGRADECER E PARA DIZER QUE GRACAS A DEUS O VISTO DO MEU FILHO SAIU , FOI MUITO FÁCIL NÃO TEVE COMPLICAÇÃO NEHUMA , FIZ TUDO SOMENTE COM A NOSSA RENDA AQUI DO JAPAO, E TAMBÉM PARA AGRESCER O PESSOAL DO CENTRO DE VISTO JAPONÊS PORQUE ELES SAO MUITO PRESTATIVOS E CUIDO DE TUDO PRA MIN , E DIZER QUE AS PESSOAS QUE QUEREM TIRAR O VISTO PARA VIREM PARA O JAPAO NÃO DESISTAM PORQUE NÃO É COMPLICADO, IGUAL MUITAS AGENCIAS FALAM … DEUS ABENÇOE GRANDEMENTE A SUA VIDA POR VOCÊ SE DISPOR A AJUDAR AS PESSOAS QUE BUSCAM RESPOSTAS AQUI NO SEU BLOG ! E QUANDO VIER AO JAPAO VENHA ME VISITAR SE POSSÍVEL! BEIJOS

  75. Olá Thaís,
    Tudo bem com você? Espero que sim.
    Bem Thaís a minha grande dúvida é a seguinte, eu vou viajar para a Coreia do Sul daqui a alguns meses a passeio com o meu maridão alemão ( ele não precisa de visto o sortudo!!! ) e vamos ficar lá 28 dias. Contudo neste período gostaríamos de viajar para Tóquio por uma semana a passeio também. O problema então seria como “EU” conseguiria tirar o meu visto para entrar no Japão já que estou em Seul na Coréia do Sul e não no Brasil.
    Vou comprar as passagens lá na hora pois são mais baratas e ainda não sei ao certo que semana iremos, desta forma eu não conseguiria provar no consulado japonês o meu roteiro, hotel etc e muito menos minha passagem aérea para Tóquio.
    É possível tirar o visto ( no Brasil ) mesmo assim ou talvez no consulado em Seul? Não sei se é possível tirar por lá ou se demora, pois preciso dele o mais breve possível. Não sei se você pode me dar uma luz sobre isso pois estou enlouquecendo, não encontro respostas no Google :> Valeu pela atenção beijos!!!!

    • Oi Cristina,

      então, se você tiver as passagens, não tem problema nenhum tirar o visto aqui saindo de Suel. Mas sem passagens não tem como mesmo, eles não liberam aqui.
      Há possíbilidade de tirar em outros @aíses, provavelmente, mas aí você tem que ver se tem consulado em Seul, quais documentos eles pedem, e a burocracia vai ser toda da Coréia do Sul, não tem como saber como funciona..
      Ou vc busca no google o consulado lá e tenta mandar um email pra ver os procedimentos, ou compra a passagem logo e faz tudo por aqui!

      Beijão e boa viagem

  76. Olá Thaís, deu tudo certo com meu visto, tirei como “visita a parentes” minha irmã mora lá, quanto a documentação, meu cunhado me enviou apenas a carta convite, carta garantia, atestado de residência, atestado de imposto pago, xerox do passaporte e xerox da certidão de casamento, meu eles só pediram o passaporte, uma foto 3×4, um comprovante que eu trabalho(dei a xerox do meu contracheque, últimos três meses) a impressão da passagem reservada e o formulário de pedido de visto, tirei no Rio De Janeiro, foi muito simples e rápido, menos de 10 minutos, eles são muito simpáticos e práticos, ficou pronto 2 dias úteis depois. Paguei R$79,00 e um detalhe, o visto está de cara nova, não está mais como na sua foto acima, obrigado pelo post, de muita ajuda e espero também está ajudando

    bjs até mais

    • Oi Henrique, você twm que comprovar sua renda de alguma forma ou ser dependente de alguém. E claro, eles podem negar quem quiser, o país é deles…rsrs
      Mas se tiver com a documentação certinha, não tem porque.. 🙂

      Bj

  77. olá thaís, como vai?
    por gentileza, gostaria de saber se você saberia me tirar uma dúvida!

    na minha próxima viagem farei o seguinte itinerário: 6 dias por tokyo + 6 em seoul, na coréia.
    meu vôo de volta para o brasil será por tokyo (haneda). ou seja, voarei seoul >> tokyo >> brasil (sem sair do aeroporto).

    o visto que devo solicitar é de múltiplas entradas ou o simples?

    desde já agradeço a atenção!
    e meus parabéns pelo blog! incrível =]

    bjs

    • Oi Fabiana, que bom que curte o blog 🙂
      Então, eu acredito que você não vai precisar de visto pra volta, mas não tenho certeza absoluta.
      O bom do visto do Japão é: vc vai chegar lá com todos os seus documentos (que são os mesmos pra qlq um dos dois vistos) e você pergunta pra eles!
      Na hora vocês marcam lá se vai ser de uma entrada ou de duas. Eles tiram as dúvidas sem nenhum problema!

      Se ainda precisar de hotel e seguiro saúde fala comigo, tenho tudo aqui no blog e reservar por aqui me da uma força!! :))
      Beijão e boa viagem!!

  78. Oi Thaís, teu blog tem me ajudado muito com o processo de visto para o japao.
    No meu caso, o pai da minha noiva (japones) é meu garantidor e ela (japonesa) esta me convidando. Eu nao tenho renda, moro com meus pais e eles nao me declaram no imposto de renda. Quando solicito comprovante de imposto de renda no site, aparece “Você não apresentou declaração de imposto de renda (DIRPF) como titular em nenhum dos dois últimos exercícios”. Será que tem outro jeito de conseguir? nos documentos que vou levar la, tem a renda da familia dela, será que posso usar ele? Obrigado! muitas viagens pra voce!

    • Oi Willian,

      se você não declara e não está como dependentede, realmente não tem como sair nada.
      Veja se ele não pode fazer uma carta dizendo que arcará com os custos da sua viagem. O bom do visto do Japão é que, chegando lá, se eles não tiverem ok com o documento, é só perguntar e eles dizem o que você precisa trazer! 😉
      Espero que de tudo certo!! Boa viagem!

      Bj

  79. Olá, boa noite. Gostaria de saber se o visto japonês é negado com frequência pra quem não tem algum vínculo com o Brasil, pois o atendente da CVC viagens disse que o visto do Japão é o mais negado do mundo pra turistas.

    • Oi Paulo, não que eu saiba. Eles não pedem nenhuma comprovação de imóvel ou nada do tipo, só renda.
      Eu, por exemplo, tirei os meus como dependente do meu marido, pois sou autônoma. Não tive NENHUM problema e já fui 3 vezes 🙂
      Bj

  80. Oi Thais.
    Realmente seu blog é maravilhoso, ajuda bastante.
    Eu gostaria de saber, quando damos entrada com toda essa pepelada (docs.), quanto tempo demora para autorizarem o visto?
    Pelo menos em 2 semanas, será?

  81. Ola Thais,

    Voltei aqui ao seu blog para lhe agradecer. Realmente foi muito tranquilo tirar o visto e o seu blog esta muito bem escrito e esclarecedor. Ajuda e muito as pessoas que estao precisando de informaçoes sobre como tirar o visto.

    Agora preciso providenciar o JR Pass.

    Muito obrigada.

    Vivi Laporta

  82. MUITO OBRIGADA THAIS PELA ATENÇÃO! COM CERTEZA VO VOLTA AQUI PRA FALAR SE DEU CERTO ! DEUS ABENCOE VOCE GRANDEMENTE PELO CARINHO EM ME RESPONDER ! BEIJOS

  83. ola Thais ! muito obrigada gostei muito do seu blog,Thais eu gostaria muito da sua ajuda ,eu moro no japão a 15 anos com meu esposo e com meus dois filhos mais novos que são yonsey , eles tem visto permanente então isso não me preocupa muito ,o meu problema e que tenho um filho que hoje esta com 26 anos e meu sonho como mãe e trazer ele pra passar um tempo aqui comigo ,só que toda agencia que eu ligo eles me desanimam ai já viu eu fico deprimida e só sei chora ,só que eu entrei no seu blog e descobri o centro de visto japonês e ate ja entrei em contato com eles e gostei muito porque são muito atenciosos ,só que a minha ansiedade e tao grande que fico com medo de algo da errado o meu filho não tem como declara renda uma vez que trabalha como servente de pedreiro e quem ajuda ele ai no brasil sou eu ,ele mora com a minha mãe e todo mês eu mando dinheiro pro brasil para ajudar nas despesas dos dois ,então ele não tem IR ,e também eu gostaria de sabe sobre esse seguro ! Thais sera que você tem alguma dica pra me ajuda por favor !eu meu esposo e meus filhos temos visto permanente e meu esposo e meus filhos trabalham aqui ! ( Thais o meu filho teve um processo ai no brasil por recepitacao isso pode atrapalhar ? como eu faco na hora de preencher o formulário onde pergunta se tem passagem pela policia eu falo que sim e explico ou e melhor não fala ) se puder me ajuda eu já agradeço ,ou se alguém ler o meu post e puder me ajudar ,por favor me ajudem ,pensem numa mãe desesperada pra fica perto do filho !obrigada DEUS abençoe grandemente a todos que puderem me ajudar ….(o processo já foi resolvido a pessoa que roubou o carro já foi presa então conta o processo mais contra ele já foi encerrado ,me perdoa não entendo desses processos então não sei como explicar)o visto que vo tenta e o visto de visita a parentes e nos iremos arcar com todas as despesas dele aqui !

    • Oi Cristina,
      poxa vida, infelizmente não consigo te ajudar. Eu só entendo mesmo de visto de Turismo nas situações mais simples… quando tem família envolvida e tals, realmente não sei como ajudar.
      Mas o Centro de Vistos devem saber sim, e acho que tem solução. Afinal, a pessoa tem o direito de visitar a mãe não é?
      Espero que de tudo certo! Se puder me contar depois eu ia ficar feliz em ouvir 🙂
      Beijão

  84. Boa tarde Thaís,
    minha irmã mora no Japão, é casada com um residente permanente, em junho vou passar as férias na casa dela, 20 dias, ja estou com a passagem comprada, indo pela emirates com escala em dubai de 3h45min, vou tirar meu visto agora em abril, meu cunhado vai ser meu fiador e convidador, ele está me mandando os documentos la do Japão, quais os documentos “meus” que realmente devo levar

    Muito Grato

  85. Olá Thaís, Parabéns pelo bem post. Veja se você consegue me ajudar. Julho desse ano pretendo ir no Japão. Porém não sou casa, só tenho união estável. Vou ficar na casa do meu “marido” pois ele já está lá. Mais não moro em São Paulo. Então queria saber se você tem o contato de alguém que fez esse serviços. Pois não pretendo ir em São Paulo só tirar esse visto.

  86. Olá Thaís! Seu site tem me ajudado muito, estou indo para o Japão embreve, mas tenho uma dúvida sobre o formulário de solicitação: o GARANTIDOR pode ser o meu PAI , que está me ajudando com o visto e imposto de renda? O convidador será minha noiva. Obrigado e parabéns .

    • Oi Marcelo,
      o garantidor é quem está “pagando” e o convidador, se tiver alguém no Japão. 🙂
      Se precisar ainda de seguro saúde, hotel, essas coisas me avisa que te ajudo!
      Beijão e boa viagem!

  87. Uma dica rápida: em 2012, tentei com meu irmão e eles não me deram. Aí voltei pra casa, escrevi uma carta em inglês pro Cônsul dizendo que me responsabiliza financeira pelo meu irmão e que era meu sonho conhecer o Japão. De resto, nada de diferente. Levei lá e me deram o visto. Acho que uma cartinha não atrabalha em nada, especialmente para quem não mora na cidade do consulado. Eu morava longe então tive de apostar nessa “diplomacia”.

    Agora vou tirar o visto com minha esposa e a cartinha é item #1.

  88. Olá Thaís, conheci seu blog graças a este post, e você sanou muito das minhas dúvidas sobre viagens ao japão, gostaria de saber como foi o a burocracia das conexões, por que eu ouvi falar que se você fizer uma conexão nos E.U.A por exemplo, precisa retirar visto de trânsito aqui no Brasil e isso necessita de entrevista! Eu não moro em São Paulo e pretendo viajar para Recife para tirar o visto de turismo, gostaria de saber se você teve que tirar alguns outros vistos de trânsito dependo das conexões que você fez até chegar ao japão, e quais foram elas, por que é bem desgastante ter que viajar para múltiplas cidades só para tirar um visto de trânsito… É a minha primeira viagem internacional e não estou muito certo se é dessa forma que funciona mesmo.

    Obrigado, e parabéns pelo trabalho!

    • Oi Matheus,
      sim, se você fazer conexão nos Estados Unidos tem que ter o visto, não tem jeito!
      Se a conexão for na Europa não precisa, Nos Emirados árabes, se for menos de 48h se não me engano, também não precisa, mas os EUA não pode ficar 1 min, você nem embarca! rs
      O ideal é comprar um voo que não pare por lá! 🙂

      Beijão querido

  89. Olá Thaís, primeiramente, parabéns pelo blog.
    Gostaria de esclarecer uma coisa com relação a este endereço na Rua Augusta, que se chama Centro de Visto Japonês. Acho que muita gente não sabe, mas é a única maneira de se obter o visto de turista para o Japão pelos correios. Estou indo para o Japão no mês que vem, e esta semana recebi meu passaporte e o da minha esposa em casa, com os vistos, sem nem precisar ir ao consulado. Eles cobram sim uma taxa de R$143 por pessoa para a prestação do serviço, que pra mim valeu muito a pena, uma vez que não moro em São Paulo, e certamente ficaria muito mais caro me deslocar até lá. Tudo o que eu fiz foi postar toda a documentação nos correios, com os passaportes, e poucos dias depois já estava com os vistos em mãos, sem nem precisar sair do meu bairro. Então, não é pegadinha, é um serviço reconhecido pelo Consulado Japonês, que economiza muito tempo e dinheiro a todos que não tem fácil acesso ao Consulado. Pelo que vi, este é o caso de muitos leitores do blog. Fica a dica 😉

    • Oi Hugo, que maravilha essa sua informação!
      Então, eu sei que eles são credenciados pelo Consulado, sim, mas a “pegadinha” no caso, é pra quem está em São Paulo e vai até lá, pois dessa forma não tem motivo pagar pelos R$143, né?
      Mas para quem não está na cidade sem dúvida vale muuuuuito a pena! Não sabia disso! Obrigada mesmo por vir contar sua experiência, vou alterar aqui no post 🙂
      Beijão

  90. Thaís, muito obrigada pelo post. Ajudou demais e tenho algumas dúvidas (já que a pessoa da agência me deixou aterrorizada):
    – Precisa de renda mínima pra conseguir tirar o visto? Declaro IR, tenho holerites, tenho carteira profissional assinada (uns 5 anos no mesmo emprego), vínculo empregatício e o escambau. Mas a pessoa me falou “tem aplicação financeira?” e isso realmente me assustou.
    – Outro ponto: não sou mestiça e irei ficar na casa do pai de uma amiga (ela também vai viajar) e ele vai servir como o convidador. Tem problema?

    Muito obrigada pelas explicações e pelo post que me aliviou um pouco.

    • Oi Amanda,
      não que eu saiba, não tem renda mínima não, até porque eu não tenho renda declarada, entro sempre como dependente no IR do marido, pra vc ter noção.
      Sobre seu amigo, sem problemas nenhum. Coloca ele como provedor, bota o tel japa, endereço certinho…

      Fica tranquila, pois no visto japonês você só paga depois que ele está pronto. O máximo que pode acontecer é ela te pedir mais documentos de comprovação e você ter que voltar outro dia com eles… 🙂

      Não esquece de mim se for reservar hotel em outra cidade e fazer e seguro saúde, tá? 🙂
      E se tiver mais dúvidas também é só falar!
      Beijão

  91. Oi eu estou querendo ir para o Japão com o certificado de elegibilidade, porém chegou na parte de preencher o formulário e me enrolei toda, que formulário mais confuso 🙁 poderia me ajudar?

    (Nomes e endereços dos hotéis ou das pessoas com as quais o(a) solicitante pretende ficar
    Nome Tel.
    Endereço) Neste caso é nome e o endereço da pessoa do Japão onde quero ficar?

    (Endereço residencial (se tiver mais de um endereço, favor listar todos )
    Endereço
    Tel.
    Profissão ou ocupação e cargo) Essa parte é meu endereço e minha profissão?

    (Nome e endereço do empregador
    Nome Endereço) Novamente é o nome e o endereço da pessoa do Japão onde quero ficar?

    Essa parte eu sei que é realmente da pessoa do Japão onde quero ficar, porém os itens acima me confundiram completamente 🙁 não achei nenhum modelo preenchido para lerdas como eu.
    Garantidor ou referência no Japão (Favor preencher os dados do garantidor ou da pessoa que será visitada no Japão.) :
    Nome
    Endereço
    Data de nascimento (Dia)/ (Mês)/ (Ano) Relação com o solicitante
    Profissão ou ocupação e cargo
    Tel.
    Sexo:
    Masculino
    Feminino
    Nacionalidade e status de imigração

  92. Oii, eu de novo xD não consegui achar nada na internet, então talvez vc saiba me responder.. No caso meu cônjuge pode entregar a solicitação para mim, ou eu preciso ir pessoalmente? Estamos programando para tirar esse mês ainda..

  93. Pingback: Como tirar o visto da China | Guia Mundo Afora

  94. Oi Thaís, tudo bem? quero ir pro Japão em julho do ano que vem. Como marinheiro de primeira viagem, queria algumas dicas de cidade e passeios bem como hosteis. Teria como me ajudar?

  95. Oi Thaís, amei o post, super útil e bem explicadinho, então eu estou planejando uma viajem para Novembro de 2016 mas assim como você sou “autônoma”, mas do contrário de você não sou casada, como posso comprovar renda, será que consigo o visto como dependente da minha mãe? quais os documentos que preciso dela daí pra conseguir?
    E sobre o seguro saúde, ainda não tenho, onde e como consigo ele?

    • Oi Raíssa,
      você é dependente dela no IR? Se sim, leva os IR. Senão leva os contracheques pra ver se eles aceitam.
      Sobre o seguro, você compra nesse link aqui e depois coloca o código FESTAS2015, se comprar até o final do mês e ganha 15% de desconto!
      Se não for comprar agora, não deixa de voltar e fazer por um link aqui do blog, que me ajuda bastante 🙂

      Beijão e pode perguntar o que precisar!

  96. Ola,

    Muito legal o seu blog. Nos vamos ao Japao (Meu marido, meu filho de 9 anos e eu) em julho/16. Pena que ja havia reservado os hoteis antes de conhecer seu blog, senao teria te ajudado e reservado pelo booking.

    Ficaremos em Kyoto por 4 dias, pensei em tirar 1 dia para Nara e 1 dia para Hiroshima… e deixar 2 para Kyoto.

    Minha duvida eh q meu filho quer muito ir no Universal para ver o Parque do Harry Potter. Duvidas: Vc acha que no mesmo dia da para fazer Universal e Nara? Ou melhor, vc trocaria Nara pelo dia no parque? Ou tem alguma outra sugestao? rs

    Grata.

    Vivi Laporta

    • Oi Vivi, obrigada! Que pena, mesmo! Mas se ainda precisar de seguro saúde pode falar comigo que tem desconto! 🙂
      Então, a Universal e Nara são completamente diferentes, e não da pra fazer no mesmo dia não.
      Mesmo sendo perto, a Universal fica em Osaka…
      Eu AMEI Nara, com os bambis, com o museu com um dos maiores budas do mundo… é uma cidade pequena e muito gostosa. A Universal também é bem legal, você pode ler o post sobre ela aqui.
      Mas assim, se vocês já foram em Orlando, por exemplo, acho que vale mto mais a pena Nara por ser diferente…Eu iria a Nara!

      Beijão!

  97. Oi Thais !

    Então eu vou ficar na Região de Saitama, porém , meu namorado vai comigo e a trabalho… Eu terei que ficar zanzando uns dias sozinha..rsrs… Ficarei mais ou menos a 1 hs de tokio.

    Então nos primeiros 10 dias eu vou fazer roteiros de um dia apenas..pra eu ir sozinha.

    Você tem sugestões??? Gostaria muito de conhecer os templos …to começando a pesquisar lugares para poder ir.

    Se vc quiser me mandar sugestoes por e-mail ficarei mais feliz ainda.

    Bjs.

  98. Oi Thais, Hoje fui buscar meu visto , deu tudo certo !!!!!

    Como vou ficar na casa do meu cunhado, acabei colocando ele como garantidor e convidador. E acabou dando certo tbm. Meu cunhado disse que ninguém ligou pra ele , para se certificar , porém e sempre bom entregar os documentos com as informações corretas.

    A seu processo do passo a passo me ajudou bastanteee!!!!!

    Brigadinhooo!!!!!

    Bjs.

  99. Olá Thais! muito obrigada 🙂 não tenho certeza se vamos fazer seguro para o Japão,mas como vamos ficar alguns dias na Europa,vamos ter que fazer seguro.Vamos eu,meu namorado e um amigo nosso,como devemos fazer? você tem algum link?

  100. Olá Thais! deu certo! acabamos de voltar com nossos visto,depois de 10 anos vou visitar o Japão novamente!! estou muito feliz!! muito obrigada pelas dicas,me ajudaram muito!

  101. Thaís, Boa Tarde!

    Vou dar entrada no meu visto amanhã. Porém ficarei hospedada na casa do meu cunhado.

    Fiquei com duvidas na parte do Garantidor e Convidador, não entendi a diferença deles, se eu declarar significa que ele sera o fiador da minha viagem ??

    Por que nos vamos apenas visita-lo e ele não ira arcar com nada da viagem.

    No cronograma eu preenchi que nem o seu , porém ficarei os 20 dias na casa dele e com isso eu coloquei a data de chegada e partida com o endereço de hospedagem.

    Vou solicitar o visto de turismo e não de visita a parente, você acha que tem algum problema?

    Obrigado, e desculpe as perguntas …rsrs

    • Oi Bruna,
      não acho que vai dar problema não, foi como eu fiz.
      Fiquei na casa do meu marido e não coloquei ele como Garantidor, nem nada!
      Mas usei o endereço como referência de hospedagem!
      Beijão e boa sorte!

  102. Olá Thais,tudo bem? finalmente vamos dar entrada no visto,amanhã!:) tenho fé que vai dar tudo certo!!quanto tempo demora pra recebermos a resposta? eles ligam pra avisar? mandam email?

    agradeço desde já!!

  103. Parabéns pelo post. Você sabe se ainda vale a regra de ser obrigatório tirar visto do Japão no seu país de residência, ou seja, não posso tirar visto para o Japão se estiver no exterior?

    • Oi Marcelo,
      pode sim, mas não sei se eles pedem alguma justificativa de você estar fazendo lá.
      Mas se esse é o único prazo que você tem, acredito que não será um problema, mas é melhor confirmar no consulado.
      Beijão

  104. Thaís,
    Obrigado por compartilhar sua experiência.
    Me ajudou muito, mas muito mesmo.
    Fui lá no consulado hoje, deu tudo certo. De diferente, só me pediram a certidão de casamento.
    Prazo de dois dias, na sexta já irei buscar.
    Beijos

  105. Olá Thais, tudo bem? Primeiramente parabéns pelo post, acho que foi o melhor que vi até agora sobre visto Japones! Eu ja morei la, minha mãe ja mora a mais de 15 anos e esse ano eu e meu namorado pretendemos visita-la por lá! Já compramos nossas passagens, reservamos hotéis mas sinceramente estamos um pouco inseguros a respeito da aprovação do visto de Turismo. Primeiro, nossa renda não é la essas coisas RS, ligamos pra uma agência e a mulher falou que isso pode implicar muito, então pensei em pedir pra minha mãe me mandar os documentos dela e carta de garantia pra ver se da certo, quanto ao meu namorado, ele pensou em pedir os documentos dos pais dele,que são funcionários públicos. Você tem alguma dica para nós dar?
    Agradeço desde já

    • Oi Seliza,
      que bom que está curtindo! 🙂
      Ajuda sim. Eu não tenho renda declarada, então levei o IR do meu marido e passou tudo certo!
      Leve o IR dessas pessoas responsáveis pra te auxiliar!

      Beijão e boa sorte!!

  106. Olá Thaís, adorei o post! Super útil!!
    Estou indo viajar pro JP em meados de janeiro, vc acha muito cedo p mim dar entrada agr no final de outubro?
    E aproveitando o momento (rs), eu vou ficar hospedada na casa de um primo durante a viagem toda, e farei apenas bate-voltas p outras cidades. Você acha que isso implicaria em alguma coisa?
    Ando pesquisando bastante em blogs como o seu e as pessoas estão dizendo que é necessário apresentar reservas dos hotéis e detalhar toooooooodos os lugares por onde irei passar. Isso é correto? Fiquei preocupada. rs
    Desde já obrigada!!

    • Oi Tatiane,
      que bom que está curtindo! :))
      Então, depois que seu visto é emitido você tem só 3 meses pra entrar no país, então eu faria lá para fim de novembro ou dezembro. Não tem porque fazer com atecedência.
      Sobre a hospedagem: você vai colocar lá no cronograma o endereço do seu primo e ele vai servir como seu local de hospedagem. Como você vai fazer bate e volta e não vai dormir em nenhuma outra cidade, nem cita elas no seu roteiro.
      Tendo o endereço de uma pessoa por lá já basta!
      Mas sim, se você fosse visitar outra cidade e dormir, você teria que ter a reserva do hotel.
      Beijão, querida! Qualquer coisa grita

  107. Olá Thais parabéns pelo blog!

    Duvida: no site do consulado japonês é mencionado que visitantes a OKINAWA poderiam ser isentos do pagto da taxa do visto de R$65,00. Lí no seu “Cronograma de viagens” uma visita a Okinawa. Assim em teoria vc nem precisaria pagar a taxa?

    Obrigado,
    Elcio

    • Oi Elcio,
      estou devendo um post sobre isso. Eu caí em uma imensa furada em ir pra Okinawa, pois lá é uma ilha que só se da pra visitar de verdade (chegar nas praias e pontos de mergulho) com carro, e o Brasil não emite o documento que o Japão exige para se alugar carro. Ou seja, fomos até lá e tivemos que voltar =/
      A não ser que você seja japonês e tenha habilitação de lá, não inclua no seu roteiro!
      Beijão

  108. Oi, Thaís, olha que coincidência, tb sou viciada em viagens e pesquisando sobre minha próxima viagem (Japão) achei seu site e dei de cara com um colega de trabalho: seu marido!
    Fizemos curso de formação na mesma turma.
    Estou adorando suas dicas!
    Você tem indicações de restaurantes em Tóquio e Kyoto?
    Embarco com meu marido dia 06/11.
    Obrigada!

    • Oi Thais,
      nossa, que coisa! rsrs E ainda É Thais Coutinho também, assustador!
      Pior que eu acho que já vi vc no facebook dele e pensei: “como assim outra Thais Coutinho?” hahaha

      Então, não tenho nenhum restaurante específico não… a gente sempre olhava a vitrine (eles tem pratos de plástico pra vc ver o que é) e entrava…
      O que vocês não podem deixar de provar: udon (macarrão grosso japonês) e Dumpling!

      Qualquer dúvida a mais me fale 🙂
      Beijão

  109. Olá! estou com algumas dúvidas, se você puder me ajudar agradeço!
    Moro em Ribeirão Preto, irei para SP somente para tirar os Vistos de minha neta (9 anos) e filha (13 anos) que irão passar as férias no Japão, com meu filho que reside lá… Bem as dúvidas: – Posso ir sozinha, sem as meninas, para fazer os vistos, inclusive da neta? – Tb vi na Net, outro endereço, Rua Augusta, que cobra 143, mais ou menos, pelo serviço, para cada visto, é este endereço que vc cita, como pegadinha? – Tb menciona neste endereço, que funciona de sábado, na parte da manhã…
    A taxa é paga no ato, em dinheiro somente?
    Muito obrigada e fico no aguardo das respostas, se puder me ajudar!

    • Oi Rejane,
      Pode ir sem elas sim e a taxa é paga na retirada e demora uns dias para ficar pronto. Nesse caso não sei se eles fazem envio ou se tem outra forma de retirada, já que vc vem aqui só para isso.
      Se descobrir eu agradeço a informação 🙂
      Quanto ao endereço da Augusta é isso mesmo a “pegadinha”. O endereço do consulado mesmo é na Av. Paulista. Maaaaaas, como vc não mora aqui, talvez poderia entrar em contato com eles para saber se talvez eles fazem o envio do passaporte com o visto.. aí talvez valha a pena no seu caso.

      Beijão

  110. Boa tarde. Eu moro em BH e aqui não tem consulado japonês, logo terei que ir em SP ou RJ.
    Eu tenho que ir no dia de entregar a documentação e para retirar o passaporte com o visto? Não é enviado por correio como o visto Canadense?

    • Oi Nicole,
      o visto é retirado dias depois e eu não conheço serviço de entrega, não.
      Daqui há 20 dias quando voltar pro Brasil posso ir lá e confirmar pra vc.
      Mas o que eu sei é que se vc tiver algum conhecido em Sp, ele pode levar os documentos pra vc, não precisa ser pessoalmente.
      Talvez te ajude!
      Bj

  111. Olá Thaís, adorei o post, e tenho algumas perguntinhas. Seguinte, vou fazer uma viagem pra China no final do ano, comprei as passagens de ida e volta já, e to querendo conhecer o Japão também, de repente com uma agência da China, mas para conseguir o visto japonês é preciso das passagens e hospedagem, mas isso eu só vou conseguir quando tiver na China, então tu tem alguma dica pra sugerir?? Muito obrigado 🙂

  112. Olá Thais. Graças a suas dicas maravilhosas deu tudo certo no meu processo de Visto para o Japão. Obrigada por compatilhar. Beijos

  113. Ola Thais

    Fiquei com uma duvida. Estou indo para o Japão em Setembro, vou ficar na casa de uma amiga ela precisa me enviar uma copia do comprovante de endereço dela no Japão e também a carta convite em Japones?
    Se puder me ajudar nesta agradeço muito. Adorei suas dicas.

    Abraço

  114. Oi Thaís em Dezembro estou querendo ir para o Japão, mas não tenho o Imposto de Renda nunca declarei. Gostaria de saber no lugar do Imposto de Renda qual documento posso levar no lugar dele ?
    Muito bacana seu post.

    • Oi Rafael,
      leva o comprovante de declaração de isento e mais os 3 contra cheques ou holerites!
      No meu primeiro pedido eles aceitaram só o contra cheques, mas a moça disse que era uma “exceção”.
      Explicando direitinho acho que não vai ter nenhum problema, não.
      Que bom que gostou do post, o Japão é demais!! 🙂

  115. Olá Thaís Towersey! Adorei o post. Estou pensando em ir ao japão em janeiro com um amigo, porém não tenho I.R. mas tenho dinheiro suficiente para viajar (possuo emprego e não dependo de ninguém). Gostaria de saber se você conhece alguém com a mesma situação da minha que conseguiu o visto? Estou pensando em mostrar o extrato bancário.

    • Oi Odinei,
      que bom que curtiu! 🙂
      Então, mas IR todo mundo tem, mesmo que seja isento, né.
      Leva o IR e seus contra cheques. Na primeira vez que tirei eu só leveis os holerites, a menina falou com o consul e ele liberou, mas falou pra próxima levar o IR.
      Leva os dois! E você vai amar o Japão, estou apaixonada!