Melhores pontos turísticos em Florença!

Florença é uma das cidades mais charmosa da Itália, na minha opinião, claro. Ela tem de tudo: boas lojas, comida maravilhosa, facilidade de fazer tudo a pé, romantismo ao extremo e, claro, charme, charme, charme! Além de ótimos museus e vários monumento centenários ao ar livre. Veremos aqui nesse post os principais e imperdíveis pontos turísticos em Florença, e algumas dicas de roteiro para você aproveitar ao máximo essa cidade encantadora.

++ Descubra as diferenças entre viajar de trem na Europa e avião
++ Saiba como fazer Seguro Viagem na Europa

Davi um dos Pontos Turísticos em Florença
Réplica de Davi, na Plaza del Signoria.

O QUE FAZER EM FIRENZE


Primeiro passa é descobri que o ponto de referência para qualquer turista que visita cidade é a Piazza Duomo. Esta é a praça mais importante e central da cidade, localizada a mais ou menos 10 min andando desde a estação de trem (ou €12 de taxi). Se hospedar nessa área é a melhor pedida, para poder fazer tudo caminhando.

DUOMO


Chegando na praça que comentamos acima, visite o Duomo ou Cattedrale di Santa Maria del Fiori: simplesmente magnífico, gigante, cheio de detalhes da época Renascentista. É aquela sensação de estar frente a frente com aquilo que estudamos por tanto tempo nas aulas de história.

++ Se for para Londres, vá visitar os Estúdios de Harry Potter
++ Confira as regras de mala para viajar de low cost na Europa

Porta detalhada do Duomo em Florença
Detalhes incríveis no Duomo.

Lembre-se que, para entrar em qualquer igreja/catedral na Europa, você deve estar usando calça e sem grandes decotes. Bermuda nem pensar, meninos, ou vão ser barrados na porta! Vá vestido certinho, pois o Duomo sem dúvidas é um dos pontos turísticos em Florença imperdíveis!

A entrada do Duomo é gratuita, mas somente para a catedral. Se quiser visitar o Batistério e o Campanário, em sua lateral, você precisa comprar um ingresso. Indico investir em um ticket único na entrada, que dá direito a:

  • Cattedrale
  • Cupola
  • Battistero
  • Campanile di Giotto
  • Cripta di Santa Reparata
  • Galleria d’arte (Museo dell’ Opera del Duomo)

Tudo isso sai por apenas €10, e pode ser comprado online aqui.

PIAZZA DELLA SIGNORIA


Logo ao lado do Duomo, podemos ver a Piazza della Signoria, praça onde está a cópia da escultura de David, da primeira foto do post. A estátua possui 5,17m de altura e é de tirar o fôlego pelos seus detalhes. Sem perceber, você acaba ficando vários minutos ali parado apreciando a obra de arte.

Piazza Della Signoria em Florença
Piazza Della Signoria, em Florença

PALAZZO VECCHIO


O mais interessante ponto turístico em Florença também fica nesta mesma Piazza Della Signoria, e se chama Palazzo Vecchio. Hoje em dia a construção funciona como a prefeitura da cidade, mas no passado foi o palácio da família Médici, durante o século 16, que depois se mudou para o Palácio Pitti.

Euzinha aqui curto bem mais o Palácio Vecchio. O Pitti é imenso e até cansa conhecer ele inteiro, pois não há uma única parede sem uns 20 quadros pendurados, sabe? Já o Vecchio é um pouco mais clean, com alguns espaços vazios, estrutura mais simples, mas cheia de charme. Eu acho que “espaço em branco” faz parte da composição de uma boa decoração. Mas isso é minha humilde visão.

Interior do Palácio Vecchio em Florença
Interior do Palácio Vecchio, simples, mas admirável!

Os horários de entrada no Palácio Vecchio mudam de acordo com os meses do ano, então indico dar uma conferida no site deles, para não perder a viagem. Nós mesmos quase não conseguimos entrar, pois fechava bem mais cedo no inverno. Do lado do palácio também há uma torre, paga a parte para subir. Nesse caso vale a pena comprar logo um bilhete combinado por €14, mas só se você não for no Campanário, né, pois a vista será a mesma.

ACHE SEU HOTEL MAIS BARATO

Para conseguir bons preços na hora de se hospedar a melhor estratégia é pesquisar em sites comparadores como o Booking, que super confio! Busque hotéis ou apartamentos que se encaixam no seu perfil, veja as qualificações e notas e escolha um lugar bacana que caiba no seu bolso.

PONTE VECCHIO


Florença é cortada pelo rio Arno e a ponte mais famosa que liga um lado a outro é a Ponte Vecchio. LINDA de morrer, foi a única ponte que se manteve em pé após a Segunda Guerra. Dizem até que foi mantida propositalmente, por sua beleza. Na época ela era usada como passagem somente pela família Médici, que não queria se misturar com o povo. Hoje está infestada de lojinhas de ouro e prata e vendedores ambulantes. Antes de atravessar, pare bem a frente e tire aquela foto clássica.

++ Confira 6 dicas para curtir Veneza de verdade!

Casal na Ponte Vecchio em Florença
Ponte Vecchio <3

PALÁCIO PITTI


Vá caminhando com calma até o outro lado da ponte e, logo, você dará de cara com o Palácio Pitti. Faça esse caminho de preferência na parte da manhã, pois há diversas áreas de exposições lá dentro e algumas fecham cedo. Se for no inverno, como eu, não conseguirá ver os jardins Giardino de Boboli, que ficam fechados. Fiquei bem triste de perder isso, pois as fotos são bem incríveis. Confira no site do Palácio Pitti as exposições atuais para chegar já sabendo o que quer ver e escolha melhor ticket combinado, economizando alguns euros! Você também pode fazer praticamente todo esse trajeto em um tour guiado de 1:30h!

Acho essa história interessante: O palácio Pitti foi construído com grandiosidade, pelo banqueiro Lucas Pitti, unicamente para ostentar toda sua riqueza diante da família Médici. Quando Luca ficou à beira da falência, adivinha quem comprou o palácio dele? Os Médici (RÁ!) que ainda aumentaram o perímetro. Ou seja, o Palácio é gigante e cheio de quadros e coisas ricas, divas e legais de se ver 🙂

Palácio Pitti em Florença
Palácio Pitti iluminado em uma noite de inverno.

SABIA QUE O SEGURO VIAGEM PARA A EUROPA É OBRIGATÓRIO?


Sim, sim, meu amigo. Se for viajar para Europa, nem pense em ir sem seguro viagem! A União Européia é composta de 28 países, e quase todos eles fazem parte do Tratado de Schengen. Esse acordo torna obrigatório aos turistas terem um Seguro Viagem na Europa de pelo menos 30.000 Euros de cobertura em gastos médicos. Portanto, se você chegar na imigração, te pedirem o documento e você não tiver, eles vão te mandar voltar!

Um seguro de viagem na Europa custa uma média de R$130,00 para 2 semanas de viagem e uma única consulta médica particular por lá sai na faixa de €300. Então mesmo se não fosse obrigatório, é muito inteligente fazer o seu!

Para te ajudar, aqui no blog temos sempre cupons de desconto que variam de 10% a 20% pagando no boleto. Clique no botão abaixo, garanta o seu e leve sua segurança a sério! Vai por mim, eu nunca viajo sem e sempre compro nesse site.

Seguro Viagem: Europa
TA 40 Especial - Internacional TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*
Affinity 60 Mundo (exceto EUA) Affinity 60 Mundo (exceto EUA) Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 19/dia*
AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA Assistência médica USD 50.000 Bagagem extraviada USD 600 (COMPLEMENTAR) R$ 9/dia*

EXTRAS: MAIS PONTOS TURÍSTICOS EM FLORENÇA


Florença possui muuuuitas outras atrações turísticas. São igrejas e galerias como a Degli Uffizi, com obras de Da Vinci e Michelangelo, e a igreja Santa Maria Novella, ao lado da estação de trem, que também valem ser visitadas, se você ainda tiver tempo livre. Divida esses e às outras atrações da lista em 2 ou 3 dias na cidade italiana. E não deixe de tomar muuuuito gelato todos os dias, pois são uma atração a parte! Eu comia até no frio de 5º 😀
E para compartilhar todo o roteiro pelo Instagram e usar o Maps para se localizar, fique conectado com o parceiro do blog ao comprar o chip da EasySim4u. 

Curtiram os pontos turísticos em Florença?

 LEIA MAIS

15 Comentários

  1. oi Thais, tudo bem?

    gostei muito do teu blog, estou programando uma viagem para a itália e as dicas aqui são ótimas! eu pretendo visitar florença porem não vou atentar-me ao pontos históricos pq meu foco é apreciar a paisagem e visitar algumas vinícolas, então gostaria de saber se vc tem foi em alguma vinicola e se indicaria alguma,

    desde ja agradeço 🙂

    • Oi Rhielli,
      que bom que gostou do conteúdo 🙂 Eu nunca fui nessa região de vinícolas, tenho muita vontade!
      Desculpa não poder te ajudar mais..
      Beijos

  2. oi Thais, tudo bem?

    gostei muito do teu blog, estou programando uma viagem para a itália e as dicas aqui são ótimas! eu pretendo visitar florença porem não vou atentar-me ao pontos históricos pq meu foco é apreciar a paisagem e visitar algumas vinícolas, então gostaria de saber se vc tem foi em alguma vinicola e se indicaria alguma,

    desde ja agradeço 🙂

  3. Oi Thais… Eu acabei de chegar de Florença e gostei muito. Tão intensa! Estou doida para escrever no Espiando Pelo Mundo para matar as saudades! 🙂 Enquanto isso viajei em suas fotos e em suas percepções sobre os lugares que você visitou. Eu gosto muito de saber o que os outro viajantes pensam e sentem em suas viagens porque cada viagem é única!

    Uma pena você ter perdido os Jardins de Boboli: eles são de fato muito bonitos e oferecem uma bonita vista da cidade.

    Eu passei uma semana lá e confesso que não achei suficiente. 🙂

    bj

    Ana

  4. Que coincidência Daniel! Acabei de chegar de lá e meu namorado correu a maratona (eu só corro meia). Enquanto ele corria eu perambulava pela cidade, entrando e saindo de ruas, sem pressa ou destino, observando a interessante dinâmica da cidade para a maratona. Depois vou ler seu relato para matar saudades enquanto não escrevo no Espiando Pelo Mundo sobre esta cidade tão culturalmente intensa.

    Ana

  5. Auxilie-me, por gentileza. Gostaria de me hospedar em hotel em uma região na cidade de Florença, em que fosse o mais próximo possível do maior número de pontos turísticos. Ficarei apenas 2 ou 3 dias em Florença. Diga-me a região que já me auxiliará em muito. Aproveitando: quais os pontos que sugere que não deixemos de visitar ?

  6. Olá Thaís,

    Lendo sobre sua viagem a Florença, me fez lembrar da minha viagem. Na ocasião, estava inscrito para Maratona de Florença (2010). Realmente é um lugar aconchegante, tranquilo e ideal para morar.

    Abaixo o link sobre o meu relato, que escrevi à época:
    http://correndoassimmesmo.blogspot.com.br/search/label/Maratona%20de%20Floren%C3%A7a

    Parabéns pelas viagem e obrigado pelas informações.

    Daniel Gonçalves
    http://www.correndoassimmesmo.blogspot.com.br