London Eye: ingressos e como chegar na roda gigante de Londres

Londres é uma das minhas cidades favoritas e a London Eye está entre minhas atrações favoritas. ADORO ver a cidade lá do alto da roda gigante que está entre as maiores do mundo. E É muito legal o contraste de algo de visual tão moderno com as construções históricas centenárias como Abadia de Westminster e o Buckingham Palace.  Sempre que estou no destino, reservo um tempinho para curtir a atração.  E já adianto um spoiler: dá para deixar a visita diferente com pacotes especiais que vão além do passeio de trinta minutos para observar a capital inglesa. Eu explico em detalhes no post. 

++ Como calcular se o London Pass vale a pena?
++ Não deixe de ler nossas 10 atrações imperdíveis em Londres

London Eye Londres
London Eye – cartão postal de Londres!

LONDON EYE – A RODA GIGANTE DE LONDRES


A London Eye é uma enorme roda gigante que no ponto alto da rotação permite ver mais de 40 quilômetros do horizonte de Londres e região. São 32 cápsulas que levam cerca de 30 minutos para fazer uma volta completa; e cada uma delas tem guias interativos em diferentes idiomas para identificar os cartões postais que vão aparecendo no cenário. 

++ Não deixe de ler sobre todos os musicais de Londres
++ Você sabe como ir aos Studios do Harry Potter por conta própria?

Cápsula London Eye
Dentro da cápsula!

Assim a  roda gigante mais famosa de Londres também se consolidou como um dos principais pontos de observação da cidade. De quebra, ainda é muito bem localizada, às margens Rio Tâmisa, bem próxima ao Palácio de Westminster e, consequentemente, do Big Ben.

Curiosidade: A London Eye nasceu como uma atração para marcar a passagem do milênio entre 31 de dezembro de 1999 e 1o de janeiro de 2000, por isso também é conhecida como como Millennium Wheel. No começo, era patrocinada pela companhia aérea British que, se eu não me engano, deixou a atração em 2006. Hoje ela leva o nome de Coca Cola London Eye, porque é a marca de refrigerantes americana que apoia a manutenção da roda gigante.

COMO CHEGAR NA LONDON EYE?


A London Eye pode ser vista praticamente de qualquer ponto da cidade e, de quebra, ela ainda está muito bem localizada. Portanto, é óbvio que dá para chegar lá de metrô; as estações mais próximas são Westminster e Waterloo. Ah, a roda gigante também está pertinho de outras atrações icônicas da capital inglesa, como o Parlamento Britânico. 

Endereço: Lambeth, London SE1 7PB, Londres
Estações próximas: como já falei acima, tem algumas estações de metrô bem próximas da roda gigante londrina

Westminster Station – a 6 minutos de caminhada
Waterloo Station – a 6 minutos de caminhada
Lambeth North – a 11 minutos de caminhada 

LONDON EYE: ALTURA


Com mais de 130 metros de altura, a London Eye está entre as roda gigantes mais altas do mundo. Ela chegou a ser a mais alta do mundo entre 2000 e 2006, mas perdeu a posição para  a chinesa Estrela de Nanchang com 160 metros. Hoje o título de maior roda gigante do mundo é da High Roller em Las Vegas e tem 167 metros que eu também já escrevi aqui no blog.

++ Não deixe de ler sobre todos os musicais de Londres e quais os tipos de ingressos que existem

vista London Eye
Vista a partir da London Eye | Foto Shutterstock Por JuanRa Cordoba

QUANTO TEMPO DURA A VOLTA DA LONDON EYE?


A volta na London Eye dura em média meia hora, mas o passeio em si leva mais tempo. É que todos os ingressos para curtir a roda gigante incluem também uma sessão no cinema 4D que demora cerca de cinco minutos. Com efeitos de som, luz, vento e muito mais, conta a história da atração e é divertido, especialmente para crianças. Ah, entender inglês não é primordial.   

capsula London Eye
A volta dura cerce de 30 minutos; esta é avista com uma das cápsulas

LONDON EYE TICKETS – COMO COMPRAR INGRESSOS?


Vamos lá, a primeira coisa que precisa saber é que a London é extremamente concorrida, por isso a dica de ouro é se planejar para comprar os ingressos antes da visita. Eles têm dia e horário marcado e quanto maior a antecedência, mais barato eles ficam. Os dias de mais movimento são sábado e domingo, geralmente com filas bem grandes. Além disso, que existem vários tipos de ingresso e, consequentemente, os valores mudam. Vou falar sobre cada um a seguir para te ajudar a escolher qual é o ideal. 

southbank em Londres
No caminho de de South Bank, visual delícia com a London Eye aparecendo! | Foto de Fernando BA

INGRESSO COMUM


É a opção básica para quem não faz questão de cortar fila ou ter atendimento vip, justamente por isso é o London Eye ticket mais barato de todos. Com o parceiro do blog Get Your Guide,  dá para compra o ingresso para o mesmo dia ou com antecedência maior, lembrando que tem desconto se for para uma data mais pra frente.  

INGRESSO COM FAST TRACK


Gente, é mais caro? É. Mas vale tanto a pena poder ter acesso mais rápido e driblar as filas tradicionais – que ficam especialmente grande durante o verão e aos finais de semana. Você também pode comprar o ingresso Fast Track com embarque prioritário com nosso parceiro Get your guide. Aí, vai entrar na London Eye a partir de uma fila diferente e muito menor (na verdade quase não há fila!)

Fila london Eye Londres
Fila do London Eye para quem não tem Fast Track (e tinha outra parte que não coube na foto)

INGRESSO COM GUIA E CABINE PRIVADA


Experiência mais vip em que você pode reservar uma cabine privada com um guia. Ele vai explicar todos os detalhes da vista e dos lugares de Londres que você vê do topo da London eye. O ticket ainda dá direito a área vip no check in e, claro, fila preferencial.

LONDON EYE COM CHAMPANHE

Alternativa para uma data especial ou se você simplesmente quer uma experiência mais romântica. O ingresso já inclui entrada prioritária – com o acesso preferencial que expliquei acima – e uma taça de champanhe incluída por pessoa.

INGRESSO LONDON EYE COM DESCONTO DENTRO DO COMBO


Quem pretende visitar outras atrações de Londres pode economizar ao comprar o combo de ingressos. O valor fica muito menor do que se fosse comprar cada ticket  separado. Além da London Eye, as atrações do combo são Madame Tussauds, London Dungeon, Sea Life e Museu do Shreak. Libra tá cara, gente, então pensar com antecedências nas atrações que vai visitar em Londres pode render uma booooa economia. Fora a praticidade de já sair com isso resolvido no Brasil.

Ray Star Wars Madame Tussauds Londres
Estátua da Ray de Star Wars, ou melhor, da atriz Daisy Ridley no Madame Tussauds de Londres

Para ter uma ideia mais objetiva, basta somar a visita ao Museu de Cera Madame Tussauds de Londres, que é bem divertida diga-se de passagem, e o London Dungeon, atração que reconta a história de eventos no mínimo curiosos e macabros da cidade. O primeiro custa em média 29 libras e o segundo 27, total de 56 libras. Mais a London Eye, o valor passa de 80 libras. Sabe quanto custa o combo? 63 libras. Ou seja, uma boa economia, ainda mais se pensar que outras atrações da cidades estão inclusas no valor.

LONDON EYE DE DIA OU À NOITE?


Vamos lá, essa escolha é muito pessoal. Já fui na roda gigante de Londres nos dois momentos e, durante o dia, é melhor para ver o cenário e entender cada monumento do skyline. Já à noite, a graça é ver a cidade iluminada, que fica especialmente bonita vista do alto. O ingresso é carinho então sei que ir uma vez em cada horário não é uma opção para todo mundo, por isso minha dica é ir ao entardecer. Veja o horário previsto do pôr do sol e pegue o ingresso para curtir a London Eye neste momento e ver Londres mudando de cor. <3

London Eye iluminada à noite
Visual da London no fim do dia é demais | Foto Shutterstock – Por Lukasz Pajor

QUAIS PASSEIOS COMBINAR COM A LONDON EYE?


Pela localização, dá para combinar vários passeios e visitas a outras atrações de Londres antes ou depois de ir na London Eye. Se for de dia, sugiro o London Dungeon, coladinho na roda gigante – está literalmente a um minuto de caminhada. É uma experiência imersiva divertida com atores, apresentações, efeitos especiais e cenários para fotos divertidas para contar histórias e lendas (!) da cidade.

Big Ben Londres
O prédio do Parlamento Britânico e Big Ben, que ficam pertinho da London Eye | Foto Shutterstock – Por Chr. Offenberg

Se a ideia é algo mais tradicional, ali nas redondezas estão o Parlamento Britânico e obviamente o icônico Big Ben, além da Abadia de Westminster. De dez a quinze minutos de caminhada no máximo. De dia dá para curtir o cenário, já à noite é chance de ver tudo iluminado <3

Também é fácil seguir para a movimentada Picadilly Circus, a uns 20 e poucos minutos de caminhada ou 14 minutos de metrô – que, lembrem-se, está coladinho na London Eye.

SABIA QUE O SEGURO VIAGEM PARA A EUROPA É OBRIGATÓRIO?


Sim, sim, meu amigo. Se for viajar para Europa, nem pense em ir sem seguro viagem! A União Européia é composta de 28 países, e quase todos eles fazem parte do Tratado de Schengen. Esse acordo torna obrigatório aos turistas terem um Seguro Viagem na Europa de pelo menos 30.000 Euros de cobertura em gastos médicos. Portanto, se você chegar na imigração, te pedirem o documento e você não tiver, eles vão te mandar voltar!

Um seguro de viagem na Europa custa uma média de R$130,00 para 2 semanas de viagem e uma única consulta médica particular por lá sai na faixa de €300. Então mesmo se não fosse obrigatório, é muito inteligente fazer o seu!

Para te ajudar, aqui no blog temos sempre cupons de desconto que variam de 10% a 20% pagando no boleto. Clique no botão abaixo, garanta o seu e leve sua segurança a sério! Vai por mim, eu nunca viajo sem e sempre compro nesse site.

LONDON EYE VALE A PENA?


É caro, mas vale a pena fazer este investimento. Londres vista do alto é demais, rende fotos incríveis e é uma perspectiva diferente da que se tem ao visitar outros monumentos locais. Não por acaso, a roda gigante virou um dos principais pontos de observação da capital inglesa. 

Quem está planejando a viagem para Londres e vai incluir a London Eye no roteiro?

Me conte sua dúvida ou experiência